PUBLICIDADE
Topo

De Eduardo Costa a José Loreto, famosos admitem brochar no sexo: 'Pânico'

Tiago Minervino

Colaboração para Splash, em Maceió

23/05/2022 04h00

Embora ainda seja um tema considerado sensível e tabu para muitas pessoas, brochar no sexo é mais comum do que se possa imaginar. E os motivos que levam alguém a "falhar" na hora H são vários, como bem explicaram as diversas celebridades que já falaram abertamente sobre o assunto e relataram suas experiências.

Do cantor sertanejo Eduardo Costa aos atores José Loreto, Bruno Gagliasso e João Vicente de Castro, diversas personalidades já admitiram que, sim, eles brocharam na hora H e, apesar de alguns terem tido sensação de pânico e frustração, é preciso encarar o tema com maturidade. O principal é compreender que, embora indesejável, é algo corriqueiro, que pode acontecer com qualquer um.

Eduardo Costa

Eduardo Costa - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
O cantor sertanejo Eduardo Costa
Imagem: Reprodução/Instagram

O cantor Eduardo Costa é um livro aberto quando o assunto é sexo: o famoso, que já admitiu ser viciado em transar, também comentou já ter brochado diversas vezes.

Em entrevista ao programa "Ceará Fora da Casinha", do Multishow, o artista afirmou já ter falhado na hora H em pelo menos 50 ocasiões. Para ele, brochar "é um estado de espírito" em que "qualquer coisa que a pessoa fizer e eu não gostar, eu brocho".

"Já brochei mais de 50 vezes", reiterou Eduardo Costa.

Bruno Gagliasso

Bruno Gagliasso - Thiago Bruno - Thiago Bruno
Bruno Gagliasso
Imagem: Thiago Bruno

O ator Bruno Gagliasso falou abertamente sobre o assunto em vídeo publicado no canal de sua esposa, a atriz Giovanna Ewbank. Ao responder o questionamento de um fã sobre brochar, ele disse que "óbvio" e destacou não ter por que mentir.

"Óbvio, né? Vou falar que não? Não tenho mais 20 anos para falar que não. Brochar é normal", pontuou.

José Loreto

José Loreto - Globo/João Miguel Júnior - Globo/João Miguel Júnior
José Loreto
Imagem: Globo/João Miguel Júnior

O ator José Loreto, ao participar de uma live com a sexóloga Regina Navarro Lins, relatou que, quando brochou pela primeira vez, foi um "transtorno", e, na ocasião, disse estar cansado.

À época, ele destacou que, por sentir a necessidade de mostrar ser um "macho alfa e potente", ele pensou em fazer uso de remédio para ereção. Hoje, entende que falhar no sexo é algo natural.

"Minha primeira brochada foi quando fiquei com uma menina, foi um transtorno, escondido no banheiro do condomínio. Arrumei uma desculpa, falei que estava cansado. No dia seguinte, eu queria arrumar remédio para ereção. Meu objetivo era mostrar quem eu sou, o macho alfa e potente. Não podia deixar má impressão. Pedia para os meus amigos para comprar remedinho", disse.

"Brochar é tão natural. E quantas vezes eu, na cabeça machista, ficava com medo de brochar, o sexo era ruim. Eu ainda estou tentando evoluir sexualmente e espiritualmente. Eu pesquiso, quero ser mais tântrico, ir mais devagar. Então estou me redescobrindo", completou.

João Vicente de Castro

João Vicente de Castro - Reprodução: Vini?cius Mochizuki / Instagram - Reprodução: Vini?cius Mochizuki / Instagram
João Vicente de Castro confidenciou intimidades
Imagem: Reprodução: Vini?cius Mochizuki / Instagram

Durante participação no canal do YouTube de Matheus Mazzafera, João Vicente de Castro contou que já brochou no sexo, o que lhe provocou um certo "pânico", deixando-o em uma situação desesperadora.

Embora saliente não se tratar de algo que acontece com frequência, em seu caso foram três vezes, "é um negócio horrível", e suas parceiras nas ocasiões reagiram de formas diferentes: desde a compreensiva àquela que ficou contrariada.

"O problema que brochar é um negócio que só o homem entende [...] Eu já brochei acho que umas três vezes: já tive uma mulher que reagiu muito bem, já tive uma mulher que reagiu mal... A culpa é minha mesmo, não é externo... mas é desesperador, um negócio horrível", relatou.

Duda Nagle

Duda Nagle - Sérgio Santoian/Divulgação - Sérgio Santoian/Divulgação
Duda Nagle
Imagem: Sérgio Santoian/Divulgação

Casado com a apresentadora Sabrina Sato, Duda Nagle também já foi questionado sobre falhar no ato sexual, e não esquivou da resposta. Pelo contrário, o ator é do time que acredita que brochar é algo normal.

"Brochar é uma coisa natural. Acontece! Importante é você contornar. Pode ser uma catástrofe na noite ou só um problema que você contorna com algum jogo de cintura. Coisa de momento que você supera", opinou.

Fábio Porchat

Fábio Porchat - Reprodução/Globoplay - Reprodução/Globoplay
Fábio Porchat
Imagem: Reprodução/Globoplay

O humorista Fábio Porchat, durante o lançamento da série "Homens?", em 2019, contou que, assim como seu personagem, Alexandre, ele também já brochou. Segundo revelou, foi algo "desesperador" e bastante "tenso".

"Já brochei na minha vida. É desesperador, muito tenso. Não sabia o que fazer", ressaltou.

Danilo Gentili

Danilo Gentili - Reprodução/Jovem Pan - Reprodução/Jovem Pan
Danilo Gentili
Imagem: Reprodução/Jovem Pan

O comediante e apresentador Danilo Gentili confidenciou em entrevista ao podcast "Ticaracaticast" que já brochou devido ao cansaço e, inclusive, dormiu no meio da transa.

"Eu já brochei quando estava cansado [...] Eu estava namorando. Estava comendo a menina, em cima dela, e dormi. Dormi em cima dela", detalhou.

Rodrigo Simas

Rodrigo Simas - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
O ator Rodrigo Simas
Imagem: Reprodução/Instagram

O ator Rodrigo Simas abordou o tema brochada em algumas ocasiões. Nas redes sociais, o famoso, que admitiu ter falhado em sua primeira vez com a atriz Agatha Moreira, com quem namora desde 2018, disse ser importante falar publicamente sobre o assunto para poder desmistificá-lo.

"Brochei e não tinha sido a primeira vez. Acho que temos que falar mais sobre a 'famosa brochada' e desmistificá-la. Não temos total controle do nosso amigão, por isso às vezes temos ereções em momentos peculiares, está tudo na nossa cabeça. Não fiquem na nóia... É normal, e você não vai ser menos homem por isso", afirmou.

Rodrigo ainda mandou um recado para as mulheres. "Para a mulher que fica irritada ou se sente culpada muitas vezes [pela brochada], não se sinta, não tem nada a ver com você", ponderou.