PUBLICIDADE
Topo

Fernanda Montenegro teme não ter tempo para atuar na ABL

Fernanda Montenegro faz 92 anos e se firma como símbolo de arte e liberdade nos palcos e na vida - Reprodução/Instagram
Fernanda Montenegro faz 92 anos e se firma como símbolo de arte e liberdade nos palcos e na vida Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para Splash, em São Paulo

28/11/2021 08h42Atualizada em 28/11/2021 08h55

Fernanda Montenegro, de 92 anos, que foi eleita para Academia Brasileira de Letras, revelou que teme não conseguir ser um membro tão atuante na instituição. "Só espero ter tempo [para fazer e ver essas mudanças]. O maior tempo da minha vida eu já vivi, agora estou aqui de sobremesa", disse a atriz em entrevista ao "Altas Horas" (Globo).

Ao falar sobre o fato de ter sido eleita, mesmo tendo uma carreira consolidada como atriz, ela discursou. "Você entra lá, então, de repente? Isso vira uma temática na imprensa. Eu me propus, tive uma aceitação bastante generosa e sou uma atriz, não sou uma escritora. Tenho uma vida na terceira margem, não quer dizer que a gente não conheça outras margens, ainda mais a mulher, atriz. Entrei, isso quer dizer, talvez, que a Academia queira abrir suas portas para o ser humano físico, a arte carnificada", analisou ela.

Questionada sobre machismo dentro da ABL, Fernanda Montenegro foi sucinta. "É pouco, mas se não me engano já passaram umas oito ou nove mulheres por lá. Todas de grande importância para a literatura e para o feminino e vão permanecer, pois dizem que somos imortais".

Eleita para cadeira 17 da Academia Brasileira de Letras, a atriz revelou que deve ser consagrada como membro do órgão em março de 2022. "É neste momento que, realmente, será dito o que poderei fazer [pela instituição]", encerrou a atriz.