PUBLICIDADE
Topo

'Aprendi palavras muito sujas no 1º filme', diz ator de Um Príncipe em NY 2

Jermaine Fowler
Jermaine Fowler
Reprodução

Guilherme Lucio da Rocha

De Splash, em São Paulo

07/03/2021 04h00

Estreou na sexta-feira (5) o filme "Um Príncipe em Nova York 2". Depois de 30 anos, a sequência enfim chegou e fez os saudosos fãs do clássico da comédia com Eddie Murphy reviverem os bons tempos.

Continua depois da publicidade

Desta vez, quem vai aos Estados Unidos em busca de viver um grande amor não é o príncipe Akeem Joffer (Eddie Murphy), e sim seu filho Lavelle, interpretado por Jermaine Fowler.

Na segunda parte, Akeem se torna rei e descobre que tem um primogênito bastardo vivendo em Nova York. Pai de três filhas, sua majestade decide então voltar para Nova York e buscar seu único filho homem e, por consequência, herdeiro do trono.

Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

Splash conversou com Jermaine sobre a sensação de viver um personagem chave na sequência de um filme tão importante para a história do cinema e do próprio Eddie Murphy —segundo palavras do jovem ator.

Fiquei honrado quando recebi o convite. Foi uma espécie de validação do meu trabalho, senti que estava no caminho certo. Só não queria deixar ninguém decepcionado.
Jermaine Fowler
Continua depois da publicidade

Jermaine nasceu em 1988. Sim, o ator nasceu no mesmo ano de estreia do filme original. Um verdadeiro nenê de 32 anos, não é mesmo?

O longa original teve como destaque os vários personagens de Eddie Murphy e Arsenio Hall, além de uma linguagem bem avançada para época. Com palavrões, o filme teve a faixa etária alterada anos depois e, no Brasil, foi recomendado para maiores de 14 anos —e mesmo assim vive na "Sessão da Tarde"

Mas tem criança que é ligeira, né? Fowler diz que deu uma fugida da vista dos pais e conseguiu ver o filme escondido.

Sim. Eu assisti ao filme bem criança - e não deveria. Eu aprendi um vocabulário muito sujo no primeiro filme.