PUBLICIDADE
Topo

Thelma mais cruel e pandemia: o que esperar da 2ª fase de 'Amor de Mãe'

Vitoria (Taís Araujo), Lurdes (Regina Casé) e Thelma (Adriana Esteves) - João Cotta/Rede Globo
Vitoria (Taís Araujo), Lurdes (Regina Casé) e Thelma (Adriana Esteves) Imagem: João Cotta/Rede Globo

Mari Monts

De Splash, em São Paulo

23/02/2021 04h00

"Amor de Mãe" estará de volta a partir do dia 1 de março, mas com um formato compacto. A novela de Manuela Dias vai dividir o horário com "A Força do Querer" por apenas duas semanas. Só depois do dia 15 a trama segue sozinha, na faixa das 21h, com capítulos inéditos. Splash conversou com o elenco sobre o que esperar da segunda fase.

Quase um ano depois que o último capítulo foi ao ar, a luta de dona Lurdes, papel de Regina Casé, para encontrar o filho Domênico (Chay Suede) segue firme e forte. Esta, aliás, foi uma preocupação da autora Manuela Dias ao inserir o contexto da pandemia na trama:

No começo, eu não queria inserir a pandemia. A Lurdes é um exemplo muito forte disso. Eu pensava: 'Como vou fazer que ela procure o Domênico sem furar a quarentena?'. Para mim foi uma preocupação conversada. Sou totalmente a favor de todos os cuidados.

Regina Casé postou esta imagem da gravação de uma cena de "Amor de Mãe" com Thiago Martins - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Regina Casé postou esta imagem da gravação de uma cena de "Amor de Mãe" com Thiago Martins
Imagem: Reprodução/Instagram

Manuela afirma que preferiu retratar a realidade do que ficar distante dela: "Os personagens vão se adaptar à pandemia, cada um com seu contexto". Os atores voltaram ao trabalho em agosto de 2020, e as gravações foram encerradas em novembro.

Aliás, para toda a equipe ficar segura, a Globo apostou em deixar os núcleos isolados em um hotel antes de cenas com abraços, beijos e demonstrações de afeto. Para Humberto Carrão, o Sandro, a novela perderia o sentido sem esse contato: "O que é amor de mãe realmente foi preservado. A gente seguiu um protocolo rígido com muita segurança".

Placa de acrílico separa atores nos bastidores de gravação de "Amor de Mãe" - Reprodução/Globo - Reprodução/Globo
Placa de acrílico separa atores nos bastidores de gravação de "Amor de Mãe"
Imagem: Reprodução/Globo

Por que choras, Carminha?

Regina Casé contou que foi estranho retomar as gravações após seis meses sem viver Lurdes, mas foi só colocar sua bolsa e seus óculos que a personagem apareceu automaticamente, sem dificuldades.

A atriz aproveitou para dar um pequeno spoiler sobre a relação de sua personagem com a "amiga" (aqui cabem todas as aspas possíveis) Thelma (Adriana Esteves).

Vou dizer uma coisa: a Carminha (Adriana Esteves em "Avenida Brasil") perto da Thelma vai virar uma fofa. Foi muito punk essa volta para mim. Eu fui para a maior zona de desconforto possível.

Vale lembrar que Thelma já sabe que Danilo (Chay Suede) é Domênico e pretende esconder essa informação de Lurdes a todo custo.

Thelma (Adriana Esteves) em Amor de Mãe - Reprodução/Globo - Reprodução/Globo
Thelma (Adriana Esteves) em Amor de Mãe
Imagem: Reprodução/Globo

Finais que agradaram

Sem spoilers, ou quase, os artistas comentaram um pouco sobre o destino de seus personagens. Humberto Carrão disse que Sandro vai passar por complicações: "Ele passa por momentos muito duros por causa da pandemia. Mas são situações fortes e bonitas".

Thiago Martins revelou que está satisfeito com o desfecho de Ryan na trama. Já Nanda Costa soltou um leve spoiler sobre a vida amorosa de Érica: "Não estava dando sorte no amor, mas fiquei bem feliz com esse retorno. Ela vai se dar bem, vai ser uma surpresa". E vem aí!

Nanda Costa nos bastiores de "Amor de Mãe" - João Miguel Junior/Divulgação - João Miguel Junior/Divulgação
Nanda Costa nos bastiores de "Amor de Mãe"
Imagem: João Miguel Junior/Divulgação