PUBLICIDADE
Topo

'Fate: A Saga Winx': sucesso diante de polêmicas e rejeição da crítica

O elenco de 'Fate: A Saga Winx'
O elenco de 'Fate: A Saga Winx'
Jonathan Hession/Netflix

Daniel Palomares

De Splash, em São Paulo

26/01/2021 13h00

Mexer em produções que já têm lugar cativo no coração de muitos fãs é sempre perigoso. Mas a versão live-action da série animada "Winx Club", lançada na última semana na Netflix, se provou um sucesso, mesmo diante de polêmicas nos bastidores e uma série de críticas negativas.

Continua depois da publicidade

Mundo das fadas

Para quem não conhece o mundinho Winx, a série conta a história de cinco fadas adolescentes em um colégio interno mágico em um lugar chamado Outro Mundo. Aprendendo a controlar seus poderes, elas também precisam lidar com rivalidades, monstros e, claro, o amor.

fjd - Reprodução - Reprodução
O desenho Winx Club
Imagem: Reprodução

Diferenças do original

Desde o lançamento do primeiro teaser da série, em dezembro, os fãs já notaram que muita coisa ia mudar. O trio original de vilãs, formado pelas bruxas Trix, foi substituído pelos misteriosos Queimados. A fada Tecna também ficou de fora da adaptação.

Os figurinos também foram totalmente repaginados. Na série animada, as Winx vestiam roupas multicoloridas e cheias de fendas e decotes, mas a versão live-action é bem mais sóbria e comedida, o que incomodou muita gente nas redes sociais.

Continua depois da publicidade

Polêmica

Outra diferença no visual das fadas, porém, gerou muito mais controvérsia. No desenho, a personagem Flora era identificada como latina, tendo os traços inspirados em Jennifer Lopez. Na série, ela foi substituída por uma prima, Terra, que é interpretada por uma atriz branca.

ft - Jonathan Hesson/Netflix - Jonathan Hesson/Netflix
O elenco de 'Fate: A Saga Winx'
Imagem: Jonathan Hesson/Netflix

Whitewashing é o nome atribuído à prática de selecionar atores brancos para interpretar personagens não-brancos. Além de Terra, a fada Musa, no desenho, asiática e inspirada em Lucy Liu, também ficou a cargo de uma atriz branca. Abigail Cowen, intérprete de Bloom, falou sobre o caso para o The Wrap.

É importante que falemos sobre isso. Não faço parte do processo de escolha do elenco, mas a diversidade, tanto à frente, quanto por trás das câmeras, é vital.
Abigail Cowen
vf - Jonathan Hesson/Netflix - Jonathan Hesson/Netflix
'Fate: A Saga Winx' bombou na Netflix, mas foi detonada pela crítica
Imagem: Jonathan Hesson/Netflix
Continua depois da publicidade

Fracasso na crítica

Com tantas diferenças em relação ao desenho original, "Fate: A Saga Winx" acabou sendo detonada pelos críticos. No Rotten Tomatoes, que agrega avaliações de diversas publicações, a série ficou com apenas 33% de aprovação.

Básica, frágil e esquecível, a série é um fantástico fracasso que não consegue capturar a magia do material original.
Consenso da crítica no Rotten Tomatoes

Sucesso de público

Apesar de tantos percalços e sem segunda temporada confirmada, "Fate: A Saga Winx" se provou fenômeno na Netflix. É o conteúdo mais assistido no momento na Netflix dos EUA e do Brasil e rendeu até desafio no TikTok comandado por ninguém menos que Bruna Marquezine e Sasha Meneghel!

Se interessou? Você pretende acompanhar 'Fate: A Saga Winx'?

Resultado parcial

Total de 285 votos
75,44%
24,56%
Total de 285 votos

Valide seu voto