PUBLICIDADE
Topo

Mauricio Stycer

Márcio Gomes será o principal nome da CNN Brasil+, novo canal de streaming

Márcio Gomes fala à CNN Brasil sobre a mudança profissional, após 24 anos na Globo: "O que tiver de desafio, eu topo fazer" - Reprodução
Márcio Gomes fala à CNN Brasil sobre a mudança profissional, após 24 anos na Globo: "O que tiver de desafio, eu topo fazer" Imagem: Reprodução
Mauricio Stycer

Mauricio Stycer é jornalista desde 1985. Repórter e crítico do UOL, colunista da Folha de S.Paulo, passou por Jornal do Brasil, Estadão, Folha, Lance!, Época, CartaCapital, Glamurama Editora e iG. É autor de "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018).

Colunista do UOL

20/10/2020 09h29

A CNN Brasil fez mistério ao anunciar a contratação do jornalista Márcio Gomes na segunda-feira (19). O canal informou que ele vai ser "o principal nome da expansão de operações da CNN no país, um projeto inovador, reforçando o caráter multiplataforma da empresa no Brasil".

Gomes deixou a Globo após 24 anos para estar à frente da CNN Brasil+, novo canal que a empresa lançará entre janeiro e março de 2021. Será o primeiro canal de jornalismo para streaming gratuito no país.

O novo canal exibirá programação exclusiva entre às 19h e 0h. Márcio Gomes vai ancorar o principal noticiário desta faixa só disponível no streaming. Nos demais horários, o serviço apresentará os mesmos programas da CNN, mas em horários diferentes para não caracterizar competição com a TV por assinatura.

Gomes também vai integrar a programação da CNN Brasil original, ancorando uma hora diária de um dos telejornais noturnos do canal.

A grande inovação do CNN Brasil+ é esta aposta no streaming gratuito para o consumidor. Sem receita de assinantes, o modelo de negócios é baseado em publicidade.

Esse modelo tem sido adotado com sucesso nos Estados Unidos. No Brasil, já há alguns serviços com estas características, mas nenhum com o tamanho das grandes plataformas atuando no mercado americano.

A CNN terá uma estrutura própria, com redatores, produtores e repórteres para produzir a programação inédita do CNN Brasil+.

A empresa está negociando com duas grandes plataformas para hospedar o novo canal. Segundo a coluna apurou, as negociações estão avançadas com o Pluto TV, do grupo Viacom. Nada impede que o canal seja hospedado em várias plataformas.

O Pluto TV, lançado nos Estados Unidos em 2013, é a mais bem-sucedida plataforma de streaming com oferta gratuita de conteúdo ao espectador e negócios sustentados por publicidade. Ela hoje oferece cerca de 100 canais ao consumidor americano, vários deles dedicados ao jornalismo.

Na mesma segunda-feira (19) em que a CNN Brasil anunciou a contratação de Marcio Gomes, a Viacom divulgou que o Pluto TV vai estrear em dezembro no Brasil com 24 canais, todos na área de entretenimento (filmes, séries, realities, infantil, documentários etc).

Questionada pela coluna, a empresa informou que "tem conversado com vários grupos" para preencher a grade de jornalismo da plataforma.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL