PUBLICIDADE
Topo

EUA: Ação judicial diz que Subway usa 'tudo menos atum' em sanduíche

Divulgação
Imagem: Divulgação

Colaboração para Nossa, em São Paulo

29/01/2021 11h56

Uma ação judicial movida no estado da Califórnia, nos EUA, acusa a rede de fast food Subway de enganar seus clientes ao vender um sanduíche de atum que, segundo os demandantes, não contém atum. A empresa nega a acusação.

Segundo a denúncia, o ingrediente principal do sanduíche é "tudo menos atum". As amostras colhidas pelos demandantes em vários restaurantes do Subway na Califórnia, e posteriormente analisadas em laboratório, indicaram que o "atum" é, na verdade, uma mistura de ingredientes para simular o sabor e a textura dos peixes de água salgada.

"Descobrimos que os ingredientes não eram nem atum nem peixe", disse um advogado de acusação para o jornal The Washington Post. A equipe jurídica que representa a acusação, entretanto, se recusou a revelar quais seriam os ingredientes usados na preparação.

Até o momento, apenas duas pessoas acusaram o Subway de deturpação, mas os advogados dos demandantes querem que a disputa judicial se transforme em uma ação coletiva, que poderia incluir milhares de clientes que compraram um sanduíche de atum, desde o dia 21 de janeiro de 2017.

Um representante do Subway disse que as acusações eram completamente infundadas, e afirmou que o atum usado nos sanduíches não é apenas real, mas também selvagem (não criado em cativeiro).

De acordo com informações nutricionais do site Subway, os ingredientes da salada de atum são: flocos de atum em salmoura, maionese e um aditivo que protege o sabor. Um porta-voz do Subway confirmou que esses ingredientes estão atualizados.

Ao longo dos anos, o Subway foi alvo de controversas relacionadas aos ingredientes de seus sanduíches. No caso mais recente, em outubro do ano passado, a Suprema Corte da Irlanda decidiu que o pão usado nos sanduíches do Subway não podem ser incluídos na definição legal do alimento.

Situação parecida com a acusação referente ao atum vendido nos restaurantes da Califórnia, em que os demandantes esperam ser indenizados por se sentirem lesados pelo Subway. Eles também esperam que a ação judicial sirva para que a empresa pare de identificar falsamente seus ingredientes.

O lanche de atum do Subway não está no cardápio da rede aqui no Brasil.