PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Irving se desculpa por maldizer Dia de Ação de Graças

22/11/2018 19h08

Boston (EUA), 22 nov (EFE).- O armador Kyrie Irving, do Boston Celtics atribuiu nesta quinta-feira à frustração pela derrota para o New York Knicks por 117 a 109 a reação grosseira que teve após uma repórter lhe desejar um feliz Dia de Ação de Graças, um dos feriados mais tradicionais dos Estados Unidos.

"Eu me expressei com frustração depois da partida que disputamos na última noite e disse palavras que não deveriam estar em um ambiente profissional não importa o que tenha acontecido em quadra", escreveu Irving em sua conta do Twitter.

Após ter entrevistado o jogador dos Celtics, a repórter desejou um bom Dia de Ação de Graças ao armador, que respondeu afirmando que não celebra a data e ainda completou: "F...-se o Dia de Ação de Graças".

"Sou grato pelo tempo que todos podemos compartilhar com as nossas famílias. Sempre somos um", destacou Irving, que disse à emissora "NBC Sports" que se opõe à tradicional festividade americana por sua origem indígena.

A mãe do atleta de 26 anos, já falecida, era descendente da tribo Standing Rock Sioux. Em agosto, o armador e a irmã se tornaram membros da tribo, e ele recebeu o nome de Little Mountain.

Esporte