PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Leon Edwards rebate críticas de Usman e faz campanha por 'title shot'

Ag. Fight

Ag. Fight

15/06/2021 07h00

Apesar da grande fase que vive no esporte, Leon Edwards não convence parte dos fãs, lutadores e até Dana White. No UFC 263, evento realizado no último sábado (12), no Arizona (EUA), o inglês dominou Nate Diaz, porém, como quase foi nocauteado no quinto round, acabou sendo mais criticado do que elogiado pela comunidade do MMA. Inclusive, Kamaru Usman, campeão dos meio-médios (77 kg), minimizou a atuação do rival. Ao tomar conhecimento da declaração do carrasco, 'Rocky' foi vocal.

Usman, que trabalhou como comentarista do UFC no evento, não se mostrou impressionado com o resultado. Pelo contrário, o campeão dos meio-médios informou que, atualmente, nenhum lutador merece se tornar desafiante da categoria. Já na coletiva de imprensa pós-show, Edwards discordou do número um e cravou que deveria lutar pelo título da divisão na sequência.

De acordo com Dana, o próximo desafiante dos meio-médios será Colby Covington, mas Edwards está disposto a convencer o cartola de que merece ser o adversário de Usman. O inglês defendeu sua posição ao citar suas nove vitórias nos últimos dez combates disputados. Além disso, 'Rocky' se encontra em terceiro no ranking da categoria e tem a motivação de acertar as contas com o nigeriano, seu último algoz na organização.

"Foi um desempenho decente. Fiquei relaxado no último round e quase paguei o preço, mas tinha vontade de vencer. Todos estão dando desculpas. Eles sabem que eu sou o verdadeiro. Eles sabem que eu sou o homem certo para disputar o título. Eles estão reclamando, dando desculpas e dizendo que não mereço. Então, quem merece? Covington não merece. Woodley se machucou e agora Covington merece uma chance pelo título?", declarou o inglês, antes de completar.

"Eu não reclamei e aceitei a derrota. Trabalhei duro para ter a sequência de nove vitórias. Quem mais merece isso? Sinto que devo ser o próximo na disputa pelo título. São nove em sequência, não há mais ninguém que está fazendo o que eu estou fazendo. Eu me ofereci para lutar contra todos. Chimaev, Diaz, Belal e esses caras nem estão entre os dez primeiros. Sou eu quem diz sim. Todos estão se esquivando, esperando e reclamando. Eu sou o único vencendo esses caras durões. Eu sinto que mereço a próxima chance com certeza", concluiu.

Após atuar no UFC 263, Leon Edwards possui uma sequência de nove vitórias e um 'no-contest' no UFC, mas, constantemente, é ignorado por parte dos fãs como ameaça ao reinado do campeão Kamaru Usman nos meio-médios.

Como o inglês ficou sem atuar por um longo período e recusava lutas com frequência, tais fatores impediram seu desenvolvimento na divisão. Agora, 'Rocky' busca ser ativo no octógono para recuperar o tempo perdido e se consolidar como uma das forças da categoria.

Esporte