PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Amanda Nunes pede desculpas publicamente para Ronda Rousey

31/01/2017 19h10

Amanda Nunes não tomou conhecimento de Ronda Rousey no duelo principal do UFC 207, realizado em dezembro. Em menos de um minutos, a brasileira nocauteou a rival e manteve o cinturão, o que lhe garantiu postura ofensiva que gerou um pedido de desculpas público.

Através de suas contas em redes sociais, Amanda afirmou que exagerou na manifestação de suas emoções após o confronto. Na ocasião, frases “ela está acabada” e “deve se aposentar” repercutiram de forma negativa, o que gerou um momento de autocrítica da baiana.

“Deixe-me tirar um momento para me explicar. Eu estava sobrecarregada de adrenalina, emoção e dor naquele momento. Me dediquei tanto nas semanas antes da minha luta com Ronda. Eu devo ter dito ou publicado algumas coisas no momento que agora eu percebo não eram o certo a se fazer. Quero pedir desculpas a Ronda, seus fãs, aos meus fãs e ao UFC também. Ronda é uma atleta incrível e tem feito muito por este esporte, especialmente para as mulheres. #respeito”, narrou.

A atitude garantiu rápidos elogios de seus fãs e seguidores na internet. Atual campeã peso-galo (61 kg) do UFC, Amanda parece ter percebido que a visibilidade do cinturão carrega também a cobrança pela postura de ídolo do esporte. E entre erros e acertos, a baiana parece sempre disposta a evoluir.

Esporte