PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Michael Bisping provoca St-Pierre: "Lutaria com um braço"

Michael Bisping venceu três lutas na temporada 2016 - Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images
Michael Bisping venceu três lutas na temporada 2016 Imagem: Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images

29/10/2016 10h00

 

Campeão do peso médio (84 kg) do UFC, Michael Bisping parece disposto a procurar as lutas mais lucrativas enquanto aproveita o reinado em sua categoria. Prova disso é que, deixando o ranking oficial de lado, ele deixou claro que está disposto a enfrentar o ex-campeão dos meio-médios (77 kg) Georges St- Pierre que, mesmo lutando para romper o contrato com o evento, voltou a ser provocado pelo britânico.

Em entrevista ao site TMZ, Bisping afirmou que pode lutar no UFC 206, programado para o dia 10 de dezembro em Toronto (Canadá), e que faria isso com um braço amarrado caso ‘The Rush’ entrasse em um acordo com a organização e voltasse a competir.

“GSP queria lutar comigo. Ele contatou o UFC, e o UFC perguntou se eu aceitaria essa luta. ‘Escute, se ele quer sair da aposentadoria e ter seu traseiro chutado em sua casa, claro que eu aceito’. GSP é uma grande estrela, sem problemas. Eu assino. Mas ele mudou de ideia. Ainda estou aqui. Ouvi que eles não chegaram a um acordo. Bom, eu lutaria com um braço”, provocou aos risos.

Desacreditado por anos, Bisping, que sempre tropeçava nos momentos decisivos na hora de garantir uma chance de disputar o cinturão do evento, protagonizou uma temporada praticamente perfeita. Depois de superar Anderson Silva por pontos em fevereiro, o atleta britânico se vingou de dois antigos algozes: Luke Rockhold e Dan Henderson.

Quer receber notícias de MMA de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Esporte