PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Alemanha sofre para derrotar Chile por 1 a 0 e é vaiada

05/03/2014 19h43

ESTUGARDA, Alemanha, 05 Mar 2014 (AFP) - A Alemanha teve mais trabalho do que o esperado para derrotar o Chile por 1 a 0, nesta quarta-feira em Stuttgart, em amistoso entre duas seleções classificadas para a Copa do Mundo do Brasil-2014.

Mesmo com a vitória, a torcida vaiou a equipe depois da partida. O único gol da partida foi marcado pelo jovem craque Mario Gotze aos 16 minutos de jogo.

O meia do Bayern de Munique que recebeu bom passe de Ozil na marca do pênalti, dominou com a perna direita e chutou com a esquerda, sem chances para o goleiro Herrera.

Jogando na casa do adversário, os chilenos, que integram um dos grupos mais complicados da Copa do Mundo, o B, junto com a atual campeã mundial Espanha, a vice Holanda, e a Austrália, mostraram valentia e qualidade, criando as melhores chances de gol, mas pecaram apenas na hora de finalizar para o gol de Manuel Neuer.

O goleiro alemão, aliás, foi muito exigido em campo e contou também com a sorte, aos 15 minutos do segundo tempo, quando Eduardo Vargas, após passe de Alexis Sanchez, acertou o travessão dos donos da casa.

"O Chile criou várias chances de gol, foi um jogo muito difícil. Temos que aceitar as vaias da torcida, que paga caro para assistir a partida", declarou o capitão Philipp Lahm.

Apesar da vitória, a seleção do técnico Joachim Low precisará melhorar se quiser conquistar o tetracampeonato mundial no Brasil, onde chega como uma das grandes favoritas ao título.

"Vimos o quanto o Chile é uma equipe forte. Tivemos a maior dificuldade do mundo para encontrar brechas na defesa deles. Perdemos muitas bolas, foi isso que nos causou problemas", comentou o treinador.

Na Copa do Mundo, a Alemanha é cabeça de chave do Grupo G, e terá pela frente Portugal, Gana e Estados Unidos.

Esporte