PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Lutador de kickboxing que tem apenas um braço impressiona com nocaute; veja

Carlos Machado, que tem apenas um braço, precisou de menos de um round para nocautear adversário - Reprodução
Carlos Machado, que tem apenas um braço, precisou de menos de um round para nocautear adversário Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

16/05/2022 13h59

Carlos Machado, de 26 anos, não deixou que as adversidades da vida o impedissem de sonhar e se tornou um lutador de kickboxing. E, neste fim de semana, o lutador, que tem apenas um braço, venceu Emmanuel Vallejo, com um nocaute impressionante (veja abaixo).

O lutador foi diagnosticado com um tumor maligno e, após várias cirurgias, os médicos decidiram amputar o braço direito do menino, quando ele tinha apenas três anos.

Mas a falta do membro não foi impedimento para que praticasse artes marciais, como muay thai, desde pequeno. Aos 15 anos, passou a se dedicar ao kickboxing.

Neste domingo, precisou de apenas alguns minutos para derrubar Vallejo, que tem os dois braços, com uma sequência de socos, joelhadas e chutes. O confronto, na modalidade K1, categoria até 66 kg, aconteceu na cidade argentina de Morón.

Ao jornal Clarín, Machado explicou que costuma treinar o dobro do que os outros lutadores. "Tento apertar mais as lutas e é assim que compenso. Bato bem forte, é uma das minhas habilidades. Me acostumei com a minha condição desde criança e sou mais um contra-atacante. No muay thai me custa um pouco mais no clinch (grips), na luta de curta distância, e é o que eu mais treino para me sentir confortável", refletiu.

Esporte