PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Biles opina sobre aborto e rebate seguidor: 'Se for fake, não fale comigo'

Simone Biles abriu mão de finais em Tóquio dizendo que precisava se concentrar em sua saúde mental - Getty Images
Simone Biles abriu mão de finais em Tóquio dizendo que precisava se concentrar em sua saúde mental Imagem: Getty Images

Colaboração para o UOL, em São Paulo

10/08/2021 09h39

Simone Biles discutiu hoje (10) com um seguidor que foi confrontá-la após a ginasta opinar sobre aborto. Em publicação no Instagram, a americana pediu que os seguidores debatessem sobre temas polêmicos. Ao receber mensagem dizendo que "aborto é errado", Biles rebateu dizendo que é a favor da livre escolha.

"Eu já sabia que isso ia começar a maior discussão de todas e talvez eu perca seguidores mas... eu sou muito a favor da escolha. Seu corpo, sua escolha", opinou Biles.

"Para todos que disserem 'coloque na adoção', eu não sou fácil assim. Vindo de alguém que estava no sistema de adoção, acreditem em mim, ele está quebrado e é difícil. Especialmente para crianças e jovens adultos mais velhos", ela acrescentou.

Depois disso, um internauta usou o Twitter para comentar a opinião de Simone Biles. "Pensando em todas as crianças no sistema de adoção hoje que viram a Simone Biles dizer que a vida delas não vale nada e elas estão melhores mortas".

A ginasta respondeu pedindo que o seguidor não "distorcesse suas palavras" e afirmou que vai sempre apoiar crianças que estão esperando o processo de adoção.

"Não foi isso o que eu disse. Eu não disse que apoio o aborto em vez de colocá-los para adoção. O que eu disse é que não devemos controlar o corpo e a decisão alheia", argumentou.

"Eu vou sempre apoiar as crianças no sistema de adoção. Eu fui uma criança adotada e sempre as apoiei. Além disso, se você tem uma conta falsa, nem fale comigo", completou.

Aos três anos de idade, Simone Biles e sua irmã, Adria, foram colocadas em lares adotivos após a mãe delas perder a guarda das filhas por problemas com álcool e drogas. Aos seis anos, a ginasta foi adotada pelo avô materno.

Esporte