PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Nadal, Naomi Osaka e Bayern são premiados no Laureus; veja vencedores

Tenista espanhol venceu pela 2ª vez o "Oscar do Esporte" na categoria de melhor atleta masculino - Reuters
Tenista espanhol venceu pela 2ª vez o "Oscar do Esporte" na categoria de melhor atleta masculino Imagem: Reuters

Do UOL, em São Paulo

06/05/2021 14h28

O prêmio Laureus, considerado o Oscar do Esporte, chegou à edição 2021 na tarde de hoje premiando os principais destaques do último ano.

Os principais troféus individuais do evento foram para Rafael Nadal (atleta na categoria masculino) e Naomi Osaka (atleta na categoria feminino).

Mohamed Salah, jogador do Liverpool, ganhou um prêmio honorário de "inspiração esportiva". Já a "revelação do ano" foi vencida por Patrick Mahomes, do Kansas City Chiefs, time de futebol norte-americano.

Entre os prêmios coletivos, o destaque ficou para o Bayern de Munique, que faturou a categoria "equipe do ano". O time alemão conquistou a tríplice coroa (Liga dos Campeões, Campeonato Alemão e Copa da Alemanha) na última temporada.

Nadal pela 2ª vez

O espanhol Rafael Nadal voltou, depois de dez anos, a vencer o prêmio de melhor atleta masculino do Laureus.

O tenista se sobressaiu diante dos seguintes finalistas: Armand Duplantis (atletismo), Joshua Cheptgei (atletismo), Lebron James (basquete), Lewis Hamilton (fórmula 1) e Robert Lewandowski (futebol).

No ano passado, Nadal alcançou a marca de 20 Grand Slams conquistados na carreira, fato que foi lembrado pela página do evento.

Naomi Osaka quebra tabu

Na categoria feminina de atleta do ano, a tenista Naomi Osaka, de 23 anos, foi a vencedora. Ela "quebrou" um tabu da dupla Simone Biles e Serena Williams - as norte-americanas se alternavam com o prêmio desde 2016.

A japonesa superou cinco finalistas: Ana Van Der Breggen (ciclismo), Breanna Steward (basquete), Brigid Kosgei (atletismo), Federica Brignone (esqui) e Wendie Renard (futebol).

Além de ressaltar os recentes títulos de Osaka, a organização do Laureus valorizou o ativismo e o apoio no movimento Black Lives Matter.

"Estou muito feliz em receber este prêmio. Olhando para o futuro, minhas principais esperanças são ajudar e impactar o máximo de pessoas que eu puder. Se você tem uma plataforma, acho muito importante usá-la", disse ela ao receber o prêmio.

Veja os vencedores:

  • Atleta do ano - feminino: Naomi Osaka (tênis)
  • Atleta do ano - masculino: Rafael Nadal (tênis)
  • Atleta ativista do ano: Lewis Hamilton (fórmula 1)
  • Equipe do ano: Bayern de Munique (futebol)
  • Revelação do ano: Patrick Mahomes (futebol americano)
  • Retorno do ano - histórias de superação no esporte: Max Parrot (esqui)
  • Esporte para o bem: Kick for more (projeto alemão de inclusão no futebol)
  • Honorário de inspiração esportiva: Mohamed Salah (futebol)
  • Momento do ano: Chris Nikic (1ª pessoa com síndrome de down a terminar etapa de Ironman)

Esporte