PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Afeganistão não disputará Paralimpíadas após Taleban tomar o poder

Um combatente do Taleban observa enquanto ocupa a cidade de Ghazni, no Afeganistão - Stringer/Reuters
Um combatente do Taleban observa enquanto ocupa a cidade de Ghazni, no Afeganistão Imagem: Stringer/Reuters

16/08/2021 09h53

Atletas do Afeganistão não conseguirão participar dos Jogos Paralímpicos de Tóquio devido à tomada do país pelo grupo fundamentalista islâmico Taleban.

Segundo o porta-voz do Comitê Paralímpico Internacional, Craig Spence, a delegação afegã não tem como sair do país devido ao fechamento dos aeroportos para voos comerciais.

"Infelizmente, o comitê do Afeganistão não pode mais participar dos Jogos Paralímpicos de Tóquio", declarou. Dois paratletas afegãos competiriam nas Paralimpíadas: Zakia Khudadadi, primeira mulher a representar o país no megaevento, e Hossain Rasouli, ambos no taekwondo.

"Esperamos que o time e seus dirigentes fiquem seguros durante esse período tão difícil", acrescentou Spence. Os Jogos Paralímpicos de Tóquio acontecem entre 24 de agosto e 5 de setembro.

Esporte