PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Daniele Hypolito entra em reality de Sabrina, mas diz que Olimpíada é foco

A ginasta Daniele Hypólito - Antonio Chahestian/Record TV
A ginasta Daniele Hypólito Imagem: Antonio Chahestian/Record TV

Do UOL, em São Paulo

04/06/2020 11h01Atualizada em 04/06/2020 16h03

Daniele Hypolito entra neste sábado no reality show "Made in Japão", da Record, apresentado por Sabrina Sato. A ginasta diz ter topado participar por ser algo "fora da zona de conforto" e reforçou que mantém o foco na classificação para as Olimpíadas de Tóquio, adiadas para 2021.

"O que me motiva é ser algo completamente novo, que sai da minha zona de conforto. É um reality a mais no currículo, mas é distinto de tudo o que já fiz, além de ser novidade na TV. Mas lembrando: não deixei de ser atleta. Continuo competindo e, inclusive, tentarei vaga para a Olimpíada de Tóquio 2021", diz a ginasta.

Ela entra no lugar da passista Quitéria Chagas, que sofreu uma lesão no joelho no último episódio.

O programa reúne diferentes personalidades e mistura provas no estilo japonês que exigem habilidades, sorte e estratégia. O vencedor da competição, que dura 25 dias, receberá o prêmio de R$ 500 mil.

"Se tiver de me arriscar, piso no freio por conta de algo muito maior que vem depois do programa, que é a minha disputa por uma vaga olímpica", disse ela, que entra no jogo com o placar zerado, mas "motivada para correr atrás do prejuízo".

Além de Daniele - que já havia participado de outro reality da Record, o "Dancing Brasil" -, os atletas Richarlyson e Maurren Maggi estão no "Made in Japão". Participam ainda os atores Sérgio Hondjakoff e Gui Santana, Luiza Ambiel, Flávio Mendonça, as influenciadoras digitais Babi Muniz e Silvana Oliveira e Dhomini.

A atração está toda gravada, exceto pelo anúncio do ganhador, que vai ao ar no dia 27 de junho. A Record exibe o programa aos sábados, às 22h30.

Esporte