PUBLICIDADE
Topo

Esporte

CR7, Modric, Salah... Quem vai ser eleito o melhor jogador do mundo?

24/09/2018 11h17

Chegou a hora! Nesta segunda-feira, em Londres, acontece o The Best FIFA Football Awards, premiação da entidade máxima do futebol para coroar o melhor jogador do mundo. Cristiano Ronaldo, Luka Modric e Mohamed Salah são os finalistas escolhidos por votação deste ano. Lionel Messi, um dos maiores vencedores do prêmio, ficou de fora do pódio.

Além de premiar o melhor jogador do mundo de forma individual, o evento também conta com a seleção da temporada, onde são eleitos os melhores do mundo de cada posição, com a premiação de melhor treinador e de gol mais bonito da temporada. Ademais, a melhor jogadora e melhor treinadora também são premiadas.

Nesta edição, o evento teve sua data adiantada devido à Copa do Mundo. Normalmente, a premiação ocorre ao fim do ano para integrar o fim de temporada do futebol sul-americano, entretanto, a FIFA decidiu por colocar o prêmio em setembro para que o Mundial da Rússia tivesse mais peso na escolha dos finalistas.

COMO FOI A TEMPORADA DOS FINALISTAS?

CRISTIANO RONALDO - Atual melhor jogador do mundo, o craque português é o favorito para vencer de novo. Se isto acontecer, ele irá se isolar e ficar com a hegemonia da premiação. Sem Messi, seu concorrente direto há praticamente 10 anos, CR7 tem tudo para se corroborar como único jogador com seis prêmios de melhor do mundo.

O camisa 7 fez uma temporada vitoriosa e artilheira, como sempre. Venceu o Mundial de Clubes da FIFA em 2017, fazendo o gol decisivo na final contra o Grêmio. Foi campeão da Liga dos Campeões pela quinta vez na carreira, sendo a terceira consecutiva, além de ser o artilheiro da competição.

LUKA MODRIC - Eleito pela UEFA como melhor jogador da Europa, onde superou CR7 e Salah, seus concorrentes no The Best, e pela FIFA como melhor jogador da Copa do Mundo, o croata do Real Madrid chega como principal candidato para tirar o prêmio de Cristiano Ronaldo, seu ex-companheiro.

O camisa 10 teve uma temporada espetacular pelo clube espanhol, onde venceu a Champions League pela terceira vez consecutiva, e pela Croácia. O meia foi o maestro de sua seleção na Copa do Mundo da Rússia e comandou a melhor campanha da história da Croácia em mundiais, quando conseguiram chegar até a decisão do título, mas acabaram com o vice-campeonato.

MOHAMED SALAH - O egípcio do Liverpool talvez seja o azarão desta premiação. O faraó foi o principal jogador do clube inglês na temporada, quando marcou 46 gols em 54 partidas. Na Premier League, bateu o recorde de gols em um campeonato, com 32 gols marcados e foi eleito o melhor jogador do país em votação feita pelos atletas profissionais.

Além da artilharia da Premier League, Salah foi o vice-artilheiro da Liga dos Campeões, torneio no qual foi o comandante da campanha que levou o Liverpool para a final. Na decisão, o atacante acabou se lesionando no início do primeiro tempo e não conseguiu dar o título aos Reds.

MESSI DE FORA

Principal concorrente de Cristiano Ronaldo, o argentino não ficava de fora do top 3 da premiação há 12 anos. O camisa 10 do Barcelona faturou ao todo 5 prêmios, mas não é eleito o melhor do mundo desde 2015.

Messi fez uma boa temporada com a camisa do clube catalão. Venceu La Liga, sendo artilheiro (33 gols) e o o jogador com mais assistências (12) e a Copa do Rei. Mas seu desempenho apagado na Liga dos Campeões, onde o Barça foi eliminado nas quartas de final pela Roma e a pífia campanha da Argentina na Copa do Mundo, colaboraram para que Lionel ficasse de fora do pódio.

PRÊMIO PUSKAS

O troféu dado para o gol mais bonito da temporada também será dado nesta segunda-feira e tem jogador que atua em solo brasileiro na disputa. Giorgian de Arrascaeta, do Cruzeiro, concorre ao prêmio pelo gol de voleio contra o América-MG no Campeonato Mineiro, em fevereiro deste ano.

Veja o vídeo dos gols nomeados ao prêmio:

Como não poderia ser diferente, entre os finalistas estão quatro gols marcados na Copa do Mundo da Rússia. Pavard contra a Argentina, Cheryshev contra a Croácia, Messi contra a Nigéria e Quaresma contra o Irã.

Cristiano Ronaldo, com o gol de bicicleta contra a Juventus na Champions, Bale também de bicicleta pelo torneio europeu, mas na decisão contra o Liverpool, Salah, com um gol contra o Everton na Premier League, Riley McGree pelo Campeonato Australiano e Lazaros Christodoulopoulos pelo Campeonato Grego completam a lista de concorrentes ao gol mais bonito do ano.

MARTA NOVAMENTE ENTRE AS MELHORES

?A maior jogadora de futebol brasileira está de novo no pódio da premiação. Marta já foi indicada ao prêmio 14 vezes e venceu cinco. A camisa 10 do Orlando Pride concorre ao troféu ao lado da norueguesa Ada Hegerberg e com a alemã Dzsenifer Maroszan, ambas do Lyon, da França.

Esporte