PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Eutrópio critica arbitragem após derrota da Chapecoense para o Avaí

28/08/2017 11h20

A derrota da Chapecoense para o rival Avaí por 1 a 0, na noite deste domingo, deixou o técnico Vinícius Eutrópio se mostrou bastante irritado após mais um revés da Chape. O comandante reclamou da arbitragem e declarou que foi expulso injustamente no primeiro tempo. Eutróprio acredita que os erros de arbitragem durante o embate foram cruciais para a derrota do time.

- Tiveram dois lances capitais, um lateral que o Wellington Paulista ia direto para o gol, o quarto árbitro parou porque ele (Reinaldo) levantou o pé. 99% dos arremessos laterais os jogadores levantam o pé. E uma bola do Capa que ele estendeu o braço nitidamente, aí não sei porque o quarto árbitro não interveio para dar o amarelo (o lateral do Avaí já havia recebido um amarelo no jogo) - criticou o treinador.

O goleiro Jandrei reconheceu que o duelo contra o Leão seria difícil e lamentou o gol sofrido em uma jogada de contra-ataque. O jogador preferiu valorizar o volume de jogo que a Chape teve durante a partida e afirmou que o adversário soube marcar muito bem o setor ofensivo.

- A gente veio aqui sabendo que ia ser um jogo difícil por se tratar de um clássico, mas a gente foi para o jogo. Tentamos, lutamos, jogamos os 90 minutos. Eles nos marcaram durante 90 minutos e no contra-ataque chegaram ao nosso gol. A gente fica triste pelo resultado, triste como foi pelo volume de jogo que a gente teve, mas infelizmente não conseguimos sair daqui com bom resultado - lamentou o arqueiro.

O Verdão do Oeste ocupa a 16º colocação, tendo somado 25 pontos. O próximo desafio do clube catarinense no Brasileirão será contra o Cruzeiro, no dia 10 de setembro, às 19h, na Arena Condá. Antes, a Chapecoense fará um jogo amistoso diante da Roma, no dia 1 de setembro. O clube relacionou um time misto para atuar na Itália.

Esporte