PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Goleiro brasileiro presencia ataque terrorista em Istambul e relata pânico

Reprodução
Imagem: Reprodução

28/06/2016 20h56

Revelado pelo Grêmio, o goleiro Andrey estava no Aeroporto de Ataturk no momento do atentado que vitimou 31 pessoas na noite desta terça-feira, em Istambul. O jogador se encontrava no local para uma escala, antes de embarcar para o Irã, onde assinaria com um clube daquele país.

"Acabei de ter uma experiência nada agradável. .fazendo escala no aeroporto de Istambul, há uma hora mais ou menos, presenciei um atentado que ceifou 10 vidas... muita correria,gritos,polícia e medo...", disse em seu Instagram. 

Andrey, de 32 anos, defendeu Grêmio, Atlético-PR, Figueirense, Cruzeiro, Portuguesa, Criciúma, ABC, América-RN e Paysandu. Atualmente, o goleiro estava no Cruzeiro-RS.

Antes de se explodirem, três homens abriram fogo contra os passageiros do terminal internacional com rifles. Nenhum grupo reivindicou o ataque até o momento.

Segundo o governo turco, além dos 31 mortos, mais 88 pessoas foram feridas.

 

 

 

 

 

Esporte