PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Com clássico pela frente, Abel cita orgulho do elenco após vices e fala em "aguentar a dor"

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

15/04/2021 07h00

Superado na Supercopa do Brasil e na Recopa Sul-Americana, o Palmeiras enfrenta o rival São Paulo pelo Campeonato Paulista às 22 horas (de Brasília) desta sexta-feira, no Allianz Parque. Após o revés diante do Defensa y Justicia, sofrido no Estádio Mané Garrincha, Abel Ferreira afagou seu grupo ao ser questionado sobre o clássico.

No último domingo, o Palmeiras acabou derrotado pelo Flamengo e, na noite de quarta-feira, mesmo com a vantagem do empate, perdeu do modesto time argentino. Tanto a Supercopa do Brasil quanto a Recopa Sul-Americana foram decididas nos pênaltis.

"Vai ser um desafio. Não sei como vamos reagir. Foram duas partidas em que perdemos nos pênaltis, com tudo para ganhar durante o jogo. Temos que, nesse momento, aguentar a dor. Não há outra forma. Sofrer, que é o que estou sentindo agora. Sofrer, aguentar e caminhar em frente", declarou Abel.

Na mesma resposta, ao falar sobre as derrotas nos dois torneios eliminatórios, o técnico português tratou de valorizar a campanha protagonizada pelo Palmeiras na última temporada. Em tom de alerta à torcida alviverde, Abel Ferreira disse ainda esperar um ano complicado.

"Para perder, é preciso fazer um trajeto até aqui. Essa equipe ganhou o Paulista, perdeu um Brasileiro porque era impossível com o calendário, ganhou a Libertadores, perdeu o Mundial, ganhou uma Copa, perdeu uma Supercopa e perdeu uma Recopa porque foi às finais", afirmou.

"Umas vezes, ganhamos e, outras, perdemos. Tenho um orgulho tremendo da nossa equipe e sabemos que esse ano vai ser difícil. Aviso já: vai ser um ano duro e difícil para nós, por várias circunstâncias. É aguentar, suportar e seguir em frente", reiterou Abel.

Futebol