Topo

Esporte


Queiroz aprova Colômbia: "Tem que se valorizar uma equipe que defende bem"

Do UOL, em São Paulo

15/06/2019 22h00

Estreante em competições oficiais, o técnico Carlos Queiroz destacou a importância do jogo coletivo colombiano para neutralizar o forte ataque da Argentina durante a vitória de sua seleção por 2 a 0 na abertura da Copa América. Para ele, o bom desempenho de cada um dos seus jogadores, em todos os setores, deu o equilíbrio necessário para que os três pontos viessem na estreia do time no torneio continental.

VEJA TAMBÉM

"O mais importante foi o trabalho em equipe que tivemos. A concentração durante toda a partida foi muito importante para que conseguíssemos parar um ataque com jogadores como Messi e Aguero, atletas de altíssima qualidade. Foi só o primeiro jogo, ainda teremos que mostrar um futebol de muita qualidade para garantir novos triunfos e a vaga para a próxima fase do torneio" afirmou o treinador português, que ainda se defendeu das críticas de que seus times são muito defensivos.

"É uma coisa que não deveria mais se falar no futebol. Tem que se valorizar uma equipe que defende bem, que trabalha bem, com concentração. Foi uma partida intensa e dura", sentenciou o técnico.

Além da solidez defensiva diante do ataque estrelado da Argentina, Queiroz foi fundamental para que os colombianos ganhassem os três pontos na estreia, já que colocou em campo os dois atacantes que marcaram os gols do triunfo. Roger Martínez entrou no lugar de Luis Muriel e marcou o primeiro, em uma belo chute, enquanto Zapata só fez o segundo pois entrou no meio da segunda etapa no lugar de Falcao Garcia. Sobre Muriel, aliás, o português se disse pessimista sobre sua permanência na Copa América.

Com a vitória, os colombianos lideram o Grupo B da Copa América com três pontos, enquanto a Argentina fica zerada. Completam a chave Paraguai e Qatar, que jogarão amanhã, no Maracanã. Caso consiga novos três pontos, o time colombiano já garante vaga nas quartas de final e o treinador Carlos Queiroz poderá administrar seu elenco para decidir quem jogará diante do Paraguai na terceira partida do grupo.

Mais Esporte