PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Jovem que sobreviveu a incêndio relata gritos de socorro e desespero

Kayque, jogador do Flamengo que sobeviveu à incêndio - Reprodução/SporTV
Kayque, jogador do Flamengo que sobeviveu à incêndio Imagem: Reprodução/SporTV

Do UOL, em São Paulo

09/02/2019 14h51

O jogador Kayque Soares, um dos garotos que estava no alojamento e conseguiu escapar do incêndio que atingiu o Ninho do Urubu, contou em entrevista ao "SporTV" como foram os momentos de pânico no CT do Flamengo. Dez atletas das categorias de base do clube morreram e três estão internados com ferimentos.

Kayque contou que acordou no susto durante o incêndio e foi um dos últimos a conseguir escapar pela porta do alojamento. Depois, ele ouviu pedidos de socorro e viu o segurança Benedito Ferreira quebrar uma janela para salvar outros três garotos. 

Leia também

"Foi um desespero muito grande, não sabia o que fazer. Só se via fumaça. Eu estava dormido, só escutava barulho, quando levantei da cama tinha outro menino dormindo. Ele acordou e veio atrás. Queimou minha perna, mas tudo tranquilo", disse.

"Escutei pedidos de socorro, eu e mais um menino fomos os últimos a sair pela porta. O monitor quebrou a janela e conseguiu tirar 3", completou, dizendo que se referia aos três garotos que sofreram ferimentos e estão internados no Rio de Janeiro.

Além de Kayque, mais 12 jogadores da base do Flamengo escaparam ilesos do incêndio. Dez morreram e outros três ficaram feridos.
 

Jovem que sobreviveu relata momentos de pânico durante tragédia em CT

UOL Esporte

Tragédia do CT do Flamengo: saiba quem são as vítimas

UOL Esporte

Flamengo