PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Corinthians enfrenta o Vasco sem Romero e Douglas; time tem 3 pendurados

Emerson Sheik é um dos pendurados do Corinthians na partida deste sábado em Itaquera - Marcello Zambrana/AGIF
Emerson Sheik é um dos pendurados do Corinthians na partida deste sábado em Itaquera Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Do UOL, em São Paulo

17/11/2018 04h00

O Corinthians entrará em campo neste sábado, às 19h (horário de Brasília), para enfrentar o Vasco pela 35ª rodada do Brasileirão. Três atletas corintianos estão pendurados: Emerson Sheik, Pedrinho e Paulo Roberto - apenas o meia-atacante será titular na partida.

O time alvinegro não poderá contar com o atacante Romero, que defende a seleção paraguaia, e o volante Douglas, expulso na última partida. Thiaguinho atuará no meio-campo, enquanto Clayson será escalado no ataque.

Provável escalação

O Corinthians deve entrar em campo com a seguinte formação: Cássio; Fagner, Léo Santos, Henrique e Danilo Avelar; Ralf e Thiaguinho; Pedrinho, Jadson (Mateus Vital) e Clayson; Danilo.

Principais dúvidas

O técnico Jair Ventura tem uma indefinição para a partida, pois Jadson deixou o último treino antes do fim, com dores no joelho. Se o camisa 10 não puder atuar, Mateus Vital será o substituto.

Suspensos

O treinador corintiano não poderá contar com o volante Douglas, que foi expulso no duelo com o Cruzeiro na última quarta-feira.

Lesionados

Dois jogadores estão no departamento médico: o atacante Sergio Díaz, com dores no joelho direito, e o volante Renê Júnior, que se recupera de uma lesão no joelho.

Pendurados

Três atletas estão pendurados com dois cartões amarelos: Emerson Sheik, Pedrinho e Paulo Roberto - Douglas e Romero também estão, mas não entrarão em campo. O Corinthians enfrenta o Atlético-PR na próxima rodada do Brasileirão - o jogo será na quarta-feira, na Arena da Baixada.

Retrospecto no Brasileiro

O Corinthians leva vantagem no confronto. São 57 partidas, com 22 vitórias alvinegras e 13 triunfos do Vasco. Ainda ocorreram 22 empates entre os dois times. A equipe carioca não vence o rival há 12 jogos pelo Brasileirão - a última vitória ocorreu em 2010 (2 a 0 em São Januário).

Esporte