PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Corinthians confirma que Tite não terá contrato renovado

Lucas Tieppo

Do UOL, em São Paulo*

15/11/2013 10h32

O presidente Mário Gobbi confirmou na manhã desta sexta-feira que o técnico Tite não terá seu contrato renovado com o Corinthians para a próxima temporada. O treinador foi avisado da decisão da cúpula do futebol em uma reunião realizada na tarde da última quinta.

“Nada é eterno, tudo tem um início, começo e fim. Apenas achamos que no momento, para nós, que seria melhor dar um tempo no trabalho”, justificou Gobbi em entrevista coletiva.

O dirigente lembrou que segurou Tite após a derrota por 4 a 0 para a Portuguesa quando o treinador entregou o cargo, mas disse que um dia o técnico deixaria o clube. 

"Um dia ele sairia, isso aqui não é cargo público. Mas é difícil ter o poder pois te coloca em situações em que o coração diz uma coisa e a razão diz outra", analisou. 

Foi realizada uma entrevista coletiva nesta quinta e Gobbi e Tite sentaram lado a lado para explicar o porquê da decisão. Segundo ambos, a opção pela não renovação foi conjunta. 

O clube não confirma, Mano Menezes deverá asumir o time em 2014. Segundo o blog do Perrone, já existe um acordo verbal entre as partes. Por enquanto, Mano adotará a discrição sobre o assunto.

"Não confirmo. A decisão foi tomada ontem (quinta). A partir de hoje (sexta), nós vamos pensar, Roberto, Duílio, Edu, para achar quem se encaixa no perfil do Corinthians. Quando tivermos o nome, vocês saberão", disse o presidente. 

Gobbi, no entanto, mostrou naturalidade ao comentar a possibilidade de Mano Menezes voltar ao clube. 

"Isso surge porque o Mano foi técnico do Corinthians quando eu era diretor de futebol. Depois, o Andrés o levou para a seleção. É inevitável que surja tudo isso. E o Mano também teve uma trabalha vitoriosa aqui. Não como o Tite, que é o maior vencedor da história do Corinthians. Não existe outro igual. Mas não é só Mano. Existem outros técnicos aí fora com currículo de título. Vamos ver o que é melhor", afirmou. 

Tite encerra sua segunda passagem pelo time alvinegro após mais de três anos e com os títulos do Brasileirão de 2011, da Libertadores e do Mundial, conquistados em 2012, e do Paulistão e da Recopa desta temporada. Somando as duas passagens – a primeira entre 2004 e 2005 -, o treinador tem 268 jogos pelo clube, com 131 vitórias, 83 empates e 54 derrotas.

*Atualizado às 11h53

Esporte