Topo

Fórmula 1


Fórmula 1

Por que Schumacher voltou a virar notícia nessa semana?

Michael Schumacher sofreu um acidente de esqui em dezembro de 2013  - JOSE LUIS ROCA / AFP
Michael Schumacher sofreu um acidente de esqui em dezembro de 2013 Imagem: JOSE LUIS ROCA / AFP

Do UOL, em São Paulo

12/11/2019 15h09

Michael Schumacher voltou ao centro do noticiário mundial de automobilismo nessa semana. Mas não se empolgue: não existem novas informações sobre o estado de saúde do heptacampeão mundial de F-1, que sofreu um acidente de esqui em dezembro de 2013 e é mantido longe dos holofotes desde então por sua família.

Mas porque ele voltou a ser tão falado? A explicação pode estar na data. Amanhã (13), seu primeiro título mundial completa 25 anos — a conquista é aquela de 1994, o ano da morte de Ayrton Senna, em que o alemão bateu Damon Hill por um ponto.

Além disso, tudo o que cerca Schumacher nos últimos seis anos é tratado de maneira sigilosa. Por isso chamou tanta atenção quando sua mulher, Corinna, rompeu o silêncio que mantinha desde 2013. Disse que Schumacher está "nas melhores mãos" e que todo o sigilo era opção do próprio ex-piloto.

Não disse muita coisa, mas foi sua primeira entrevista após o acidente. O veículo escolhido para falar também dá pistas da motivação: a revista alemã She's, uma publicação interna da Mercedes voltada para o público feminino. A Mercedes, é bom lembrar, foi a última equipe pela qual Schumacher correu na F1.

A entrevista de Corinna, porém, não foi a única. Na mesma semana, o filho, Mick Schumacher, que corre na F-2 e faz parte da academia da Ferrari, comparou a sua relação com Sebastian Vettel com a que o próprio Vettel tinha com seu pai. "Eu acho que o que meu pai era para Vettel, Seb é para mim: alguém de quem sou próximo, com quem posso falar sobre esporte a motor".

A lembrança que mais surpreendeu foi a de Gina, a filha mais velha do heptacampeão. Amazona, ela fez uma homenagem ao pai em uma competição em Verona, na Itália: ela vestiu um macacão vermelho com as iniciais do pai, vestiu seu cavalo de vermelho, como uma Ferrari, e fez uma apresentação que simulava até uma troca de pneus. Foi Michael Schumacher o responsável pelo amor de Gina aos cavalos: no aniversário de 30 anos de Corinna, o então piloto da F-1 a presenteou com um cavalo. Anos depois, deu um haras na Suíça para a esposa.

Fórmula 1