PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1

Sebastian Vettel renova contrato e fica na Ferrari até o final de 2020

Vettel abraça membros da Ferrari após a vitória no GP da Hungria - Xinhua/Jure Makovec
Vettel abraça membros da Ferrari após a vitória no GP da Hungria Imagem: Xinhua/Jure Makovec

Julianne Cerasoli

Do UOL, em Spa-Francorchamps (BEL)

26/08/2017 07h16

Dias depois de anunciar a continuação de Kimi Raikkonen na equipe, a Ferrari confirmou que Sebastian Vettel também renovou seu contrato e ficará pelas próximas três temporadas em Maranello. O anúncio encerra as especulações de que o alemão estaria tentando ir para a Mercedes nos próximos anos.

Tanto, que o consultor da Mercedes, Niki Lauda, afirmou em Spa que a equipe chegou a negociar com Vettel até que ficou claro que a vontade do alemão de permanecer em Maranello. E Lewis Hamilton também disse na última quinta-feira que o piloto não queria ser seu companheiro. O contrato do inglês dura até o final da próxima temporada.

Atualmente líder do campeonato, Vettel chegou à Ferrari em 2015 depois de assinar um primeiro contrato de três anos. Acredita-se que a demora para a assinatura de um novo acordo teria ocorrido devido à tentativa do tetracampeão de abrir a possibilidade de sair do time italiano no caso de abertura de vaga na Mercedes, mas o anúncio confirma sua permanência até o final de 2020.

Vettel sempre deixou clara sua intenção de seguir os passos de seu ídolo, Michael Schumacher, e se tornar um dos grandes pilotos da Ferrari, que não vence um título de pilotos desde 2007. Um dos sinais de que a renovação do alemão estava próxima foi justamente o anúncio de que Raikkonen pemanece no time pelo menos até o final do ano que vem, uma vez que essa era uma das vontades de Vettel.

O alemão lidera o campeonato desde a primeira etapa, e tem atualmente 14 pontos de vantagem em relação a Lewis Hamilton. Neste final de semana, está sendo disputado o GP da Bélgica, que tem classificação a partir das 9h da manhã pelo horário de Brasília.

Fórmula 1