PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1


Fórmula 1

Pai diz que Bianchi segue em estado crítico e revela que não viu acidente

Do UOL, em São Paulo

10/10/2014 07h20

O pai do piloto da Marussia Jules Bianchi, Philippe, afirmou que seu filho segue em estado crítico, após o grave acidente sofrido no último domingo, no GP do Japão de Fórmula 1. Apesar das perspectivas complicadas de recuperação do francês, Philippe disse que vê em Jules um "lutador" e admitiu que até hoje não assistiu ao vídeo da batida no circuito de Suzuka.

“O professor Saillant e o especialista italiano que veio a pedido da Ferrari estão cooperando integralmente com os médicos locais. Ele não poderia estar melhor amparado. Não há mudanças significativas. Todos sabem que ele está numa fase crítica”, disse  Philippe, à publicação francesa Nice-Matin.

Sobre o acidente, que não teve imagens oficiais da Fórmula 1 transmitidas, mas que foi revelado em um vídeo de um torcedor que estava na arquibancada, Philippe disse que não teve coragem de ver.

“Eu não quero ver o vídeo. É difícil para mim falar do acidente na corrida. Para mim, é como se fosse um acidente de trânsito”, explicou.

Jules sofreu uma lesão axonal difusa (LAD)  e, de acordo com neurologistas ouvidos pelo UOL Esporte, pode ficar em estado vegetativo para o resto da vida. A lesão, normalmente causada por desaceleração brusca, é considerada traumática e de risco extremo, já que ela afeta a ligação entre os neurônios.

“Jules luta como ele sempre lutou. Assim como nas corridas. Ele é forte. Este é um momento extraordinário que eu nunca poderia esperar, mas Jules é um grande garoto”, concluiu o pai do piloto.

A Marussia decidiu não colocar um substituto para Bianchi neste fim de semana e vai correr o GP da Rússia com apenas um carro.

Fórmula 1