PUBLICIDADE
Topo

Rodolfo Rodrigues

Zebras tomam conta no início dos principais campeonatos nacionais da Europa

O colombiano James Rodríguez é um dos destaques do Everton, líder do Campeonato Inglês - REUTERS/Jan Kruger
O colombiano James Rodríguez é um dos destaques do Everton, líder do Campeonato Inglês Imagem: REUTERS/Jan Kruger
Rodolfo Rodrigues

Rodolfo Rodrigues é apaixonado por números e estatísticas no futebol. Foi repórter do Lance!, editor da Placar e do prêmio Bola de Prata ESPN e é autor de dez livros sobre futebol.

20/10/2020 04h00

O início da temporada 2020/21 nos principais campeonatos nacionais da Europa vem sendo surpreendente, com algumas zebras nas primeiras colocações e derrapadas dos favoritos ao título. Das cinco maiores ligas nacionais, hoje, os líderes são o Everton (Inglarerra), RB Leipzig (Alemanha), Real Sociedad (Espanha) e Milan, que desde a 1ª rodada da temporada 2014/15 não ficava na ponta do campeonato.

Na Inglaterra, o Everton, do técnico italiano Carlo Ancelotti, venceu seus quatro primeiros jogos depois de 50 anos, e assumiu a liderança após 32 anos. A última vez que o time liderou o campeonato foi na temporada 1987/88, antes da era da Premier League, quando conquistou seu 9º e último título inglês.

A equipe de Liverpool, que conta com os brasileiros Richarlison, Bernard e Allan, os colombianos James Rodríguez e Yerry Mina, e o centrovante inglês Calvert-Lewin, artilhero da Premier League com 7 gols, venceu o Tottenham (1 x 0), West Bromwich (5 x 2), Crystal Palace (2 x 1), Brighton & Hove Albion (4 x 2) e empatou com o campeão e maior rival Livepool na última rodada (2 x 2).

Na vice-liderança do Campeonato Inglês, mas com um jogo a menos, está o Aston Villa, time que foi campeão pela última vez em 1981. Dirigido pelo técnico Dean Smith, a equipe conta com o volante Douglas Luiz, titular da seleção brasileiras nas Eliminatórias da Copa de 2022, e está 100% da Premier League. Depois de vencer o Sheffield United (1 x 0) e Fulham (3 x 0), o time de Birmingham aplicou uma goleada história de 7 x 2 no Liverpool e ainda bateu o Leicester (hoje o 4º colocado) por 1 x 0 na última rodada.

Até essa 5ª rodada, o Manchester United era apenas o 14º colocado enquanto o Manchester City estava na 10ª posição, mas ambos com um jogo a menos. Arsenal (5º), Tottenham (6º), Chelsea (7º), também começaram o campeonato atrás das zebras.

Na Espanha, o campeonato começou com muito equilíbrio e surpresas. Tanto, que nessa 6ª rodada, a La Liga tem seu 6º líder diferente: Valencia (1ª rodada), Granada (2ª), Betis (3ª), Getafe (4ª), Real Madrid (5ª) e Real Sociedad (6ª). Campeão espanhol pela última vez em 1982, a Real Sociedad, do centroavante brasileiro Willian José, não liderava a competição desde a 2ª rodada da temporada 2002/03.

Nas primeiras colocações, o campeonato tem ainda Villarreal (2º), Cádiz (3º), Getafe (4º) e Granada (5º). Atlético de Madrid (8º) e Barcelona (9º) têm dois jogos a menos. Porém, já tropeçaram nesse campeonato, assim como o campeão Real Madrid, atual 6º colocado. O Barça, na última rodada, perdeu para o Getafe por 1 x 0. Já o Real, do técnico Zidane, foi derrotado pelo Cádiz, em casa, por 1 x 0.

Na Itália, o Milan voltou a liderar a competição depois da 1ª rodada da temporada 2014/15. Com 4 vitórias em 4 jogos, o time do técnico Stefano Pioli e do centroavante Ibrahimovic não começava tão bem um campeonato desde 1995/96. Curiosamente, sempre que venceu seus quatro primeiros jogos na Série A, o Milan foi campeão (1951, 1955, 1993 e 1996).

Sem ganhar o título nacional desde 2011, o Milan venceu a Internazionale na última rodada por 2 x 1. O rival de Milão, que tem o elenco mais valioso da Itália, com a derrota, caiu para o 6º lugar ao final da 4ª rodada. Já a Juventus, campeã das últimas 9 edições, está na 4ª colocação, atrás do surpreendente Sassuolo e da Atalanta, que já tem novamente o melhor ataque da competição (14 gols).

Na Alemanha, o RB Leipizig, campeão do 1º turno na temporada passada, voltou a começar bem a Bundesliga. Semifinalista da Liga dos Campeões, o time do jovem técnico Julien Nagelsmann, de 33 anos, lidera o campeonato atual com 10 pontos em 4 rodadas, um a mais que o octacampeão Bayern Munique, que foi goleado pelo Hertha Berlim na 2ª rodada (4 x 1).

O Schalke 04, por outro lado, é uma das decepções do campeonato até aqui, com 1 ponto em 4 jogos e 16 gols sofridos (8 só na estreia contra o Bayern Munique. Sem vencer nos últimos 20 jogos pela Bundesliga, o time já trocou o treinador (o alemão Manuel Baum no lugar do norte-americano David Wagner).

Já na França, o Lille, do atacante Luiz Araújo, ex-São Paulo, lidera o campeonato após 7 rodadas com 5 vitórias, 2 empates e apenas 2 gols sofridos. Campeão em 2011 e vice em 2019, o time terminou a última temporada na 4ª colocação e dá pinta de que vai brigar por uma das vagas para a Liga dos Campeões da próxima temporada. O favorito PSG, de Neymar, tem duas derrotas no campeonato até aqui, mas está na 2ª colocação. Já o Lyon, que chegou à semifinal da Liga dos Campeões na última temporada, é apenas o 10º colocado.

Você pode me encontrar também no twitter (@rodolfo1975) ou no Instagram (futebol_em_numeros)

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.