Topo

Diversidade


Amber Heard conta como se revelou bissexual para os pais religiosos

Presley Ann/Getty Images
Imagem: Presley Ann/Getty Images

Da Universa

13/03/2019 10h59

"Muitas lágrimas". É assim que Amber Heard descreve como contou aos pais que tinha atração por homens e mulheres. Filha de religiosos do Texas -- estado conhecido por seu conservadorismo --, a atriz relatou sua história em um painel do South by Southwest (SXSW).

"Fui criada em uma casa religiosa e me recordo quando contei para eles sobre meu relacionamento, que eu estava apaixonada por aquela mulher. No começo foram só lágrimas", conta a artista, que hoje se descreve como militante feminista, lésbica, ateia e vegetariana.

"Eles não sabiam como processar, pois não tínhamos construído um ambiente de aceitação e tolerância. Para eles só podia ser negativo ou positivo", disse.

Amber namorou a fotógrafa Tasya van Ree de 2008 a 2012, mas só foi a público sobre sua orientação sexual em 2010. Hoje divorciada do ator Johnny Depp, com quem teve um casamento conturbado, Amber declara que desde então se sente "rotulada". "Nunca me vi definida pela pessoa com a qual estou me relacionando", diz.