PUBLICIDADE

Topo

Universa

Dançarina de Demi Lovato pede que não a culpem pela overdose da cantora

Dani Vitale e Demi Lovato - Reprodução/Instagram
Dani Vitale e Demi Lovato Imagem: Reprodução/Instagram

da Universa, em São Paulo

30/07/2018 12h28

Dani Vitale, uma das dançarinas de Demi Lovato, usou suas redes sociais no domingo (29) para fazer uma demonstração de sororidade e um apelo aos fãs da cantora.

Apontada por internautas como uma das possíveis companhias da estrela na noite de sua overdose, na última semana, Dani afirmou que não tem participação na recaída de Demi.

Veja também

"Eu me importo com a Demi como todos vocês. Eu não disse nada sobre esta situação até agora porque sua recuperação é prioridade. Eu não estava com a Demi quando o incidente aconteceu, mas estou com ela agora e continuarei a estar porque ela significa tudo para mim, como para vocês", escreveu no Instagram, demonstrando sua solidariedade à cantora em relação à sua dependência química.

Ela ainda abordou as críticas de fãs que a apontam como uma das fornecedoras de drogas da artista.

"Não há necessidade para nenhuma negatividade em relação àqueles que se importam com a Demi neste momento. Já há muita no mundo. Sei que vocês estão se sentindo perdidos sem ela agora, mas lembrem-se de que vocês sempre foram uma comunidade de 'Lovatics' que amam. Por favor, lembrem-se disso antes de pegarem seus telefones e começarem a digitar", alertou.

"Lembrem-se de que nós todos a amamos mais do que podemos colocar em palavras. Continuem mandando amor a ela durante sua recuperação", concluiu Dani.

A recuperação de Demi Lovato

A cantora de "Sober" está, desde terça (24), se recuperando de uma overdose de opioides no Cedars-Sinai Medical Center, em Los Angeles. Desde então, apenas a família de Demi e seu ex-namorado, Wilmer Valderrama, tem tido acesso a ela.

Segundo a "People", o ator de "NCIS" e "That '70s Show" tem visitado a estrela todos os dias no hospital e passado horas com ela.

"Ela está descansando e 'sarando' no hospital. Toda a sua família e Wilmer estão lá para apoiá-la durante sua recuperação. Ele tem passado horas com Demi no hospital todos os dias. Parece muito preocupado com ela", informou uma fonte que preferiu não ser identificada à publicação.

Ainda de acordo com a "People", a família de Demi tem feito esforços para que a cantora vá para uma clínica de reabilitação para tratar a dependência química após sua alta hospitalar. 

Universa