Topo

Asteroide foi golpe final para extinção dos dinossauros há 66 milhões de anos, diz pesquisa

Do UOL, de São Paulo

07/02/2013 19h19Atualizada em 12/02/2013 10h03

Novo estudo afirma que impacto do asteroide Chicxulub, que deixou uma imensa cratera no México, e a extinção dos dinossauros não voadores teria ocorrido há 66 milhões de anos, em um espaço de apenas 33 mil anos. A pesquisa de cientistas da Universidade da Califórnia, em Berkley, Holanda e Reino Unido foi publicada na edição de sexta-feira (8) da Science.

As datas são tão próximos, dizem os pesquisadores, que o cometa ou asteroide se não é totalmente responsável pela extinção global, pelo menos deu o golpe mortal para os dinossauros.

"O impacto foi claramente a gota d'água que levou a Terra a mudar", disse Paul Renne, diretor da Berkeley Geochronology Center. "Nós mostramos que esses eventos são sincronizados, o impacto claramente desempenhou um papel importante na extinção, mas, provavelmente, não foi apenas o impacto."

Ainda sem provas concretas sobre como os dinossauros desapareceram, uma das teorias mais aceitas é a de que o impacto de um cometa ou asteroide teria sido a causa. Com a nova descoberta, através da análise radiométrica de alta precisão, cientistas americanos puderem identificar que os dois eventos ocorreram em um intervalo de 33 mil anos, e não mais de 300 mil anos como se pensava antigamente.

Ao analisar os dados, foi possível chegar a uma data mais precisa do impacto do asteroide: 66.038.000 anos atrás, aproximadamente. Alguns centímetros de onde foram encontrados fragmentos do asteroide nas rochas do local, os cientistas detectaram grande quantidade de pólen da época dos dinossauros, o que sugere que a extinção ocorreu há 66.043.000 anos. Considerando os erros estatísticos de ambas análises, a extinção e o impacto podem ter acontecido na mesma época ou em um intervalo de no máximo 33 mil anos.

Pesquisas indicam que ondas frias durante o período Cretáceo começaram a estressar o ecossistema da Terra, que era bem adaptado ao clima quente, e que o impacto do asteroide foi decisivo para acabar com este ecossistema.

Uma das causas da variabilidade climática poderia ter sido uma série contínua de erupções vulcânicas na Índia. Renne planeja re-datar essas rochas vulcânicas para obter uma medida mais precisa de sua duração e início em relação à extinção dos dinossauros.

Mais Tilt