PUBLICIDADE
Topo

Sem gambiarra! Estas medidas simples resolvem sua internet lenta

Freepik
Imagem: Freepik

Felipe Oliveira

Colaboração para Tilt

30/03/2020 17h14

A sua internet está lenta? A conexão parece perfeita, mas está levando horas para baixar aquele filme ou simplesmente carregar um site? Muitas vezes adquirimos um pacote de internet que pensamos ser o ideal, mas nem sempre é o suficiente para tudo o que precisamos fazer.

Preparamos uma lista de ações que você pode tomar para não sofrer mais com a internet lenta. Só depois de passar pela lista toda é que você vai ter argumentos para reclamar da velocidade com a sua operadora.

Qual o plano contratado e a velocidade?

Uma das primeiras atitudes a se tomar é observar o plano que foi contratado junto à operadora.

"As operadoras não são obrigadas a entregar a velocidade contratada o tempo todo. Elas têm, pela legislação, que entregar uma média de 80% ao mês. Por exemplo, se você assinou 10 Mbps, têm de entrar 8 Mbps de média mensal", diz Renato Giacomini, professor do departamento de Engenharia Elétrica do Centro Universitário da FEI.

Algumas franquias contratadas possuem uma quantidade máxima de dados que a pessoa pode utilizar. Após esse valor, a operadora pode baixar a taxa contratada.

A Anatel tem um site onde você pode fazer a medição da velocidade da sua internet. Sabendo qual a velocidade recebida em sua casa, é possível contestar a operadora para que o serviço oferecido seja o adequado.

teste velocidade internet - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

Onde fica o roteador?

As operadoras, normalmente, disponibilizam equipamentos necessários para a velocidade contratada, mas pode ser que sua internet fique lenta por conta do local que você instalou o equipamento.

"Se você está com o roteador em um lugar fechado, o alcance é mais limitado. Barreiras, objetos metálicos, a distância grande, tudo isso pode trazer problemas para a transmissão do roteador até o equipamento que você está utilizando. É importante deixar a antena livre", afirma Giacomini.

Seus equipamentos são compatíveis?

Não adianta você contratar uma velocidade incrível de internet se seus aparelhos não são compatíveis com os valores contratados.

"Normalmente, na área de configurações do equipamento existe uma parte chamada 'Redes e Internet', onde você pode verificar a velocidade máxima que seu modem pode oferecer. E, a partir disso, você consegue ver se é compatível com a velocidade que está comprando. Se o usuário tem um notebook compatível com 10 Mbps, não adianta comprar 100 Mbps", diz Carlos Nazareth Motta Marins, diretor do Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel).

configuração computador - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

Quem está dividindo o sinal com você?

Seus amigos e familiares pedem a senha do wi-fi para usar sua internet? Essa divisão do sinal pode fazer a velocidade despencar.

Não é apenas o sinal de wi-fi que sofre quando muitos aparelhos compartilham a rede. A internet 4G também tem problemas nessa situação. "Acontece o mesmo em estádios de futebol, aglomerações como carnaval e shows. Quanto mais gente estiver usando, menor a taxa", diz Giacomini.

Mora em apartamento?

"É muito comum quem mora em prédio sofrer com interferência do sinal dos vizinhos. Você abre o smartphone e tem 15 redes disponíveis. Fica um ambiente cada vez mais contaminado. Quando as interferências aumentam, você diminui a taxa de transmissão para o usuário. O equipamento prefere diminuir a taxa e manter o atendimento", afirma Carlos Nazareth.

É possível alterar este canal de tráfego para melhorar a velocidade da internet. "Tem alguns aplicativos para esta troca. O Wi-Fi Monitor (disponível no Google Play), por exemplo, mostra os canais que estão sendo usados e quem está usando. Se estiver tudo acumulado em um conjunto único, você precisa configurar o roteador para trabalhar no canal que está livre", diz Renato Giacomini.

ilustração - pessoas usando conexão wi-fi - Freepik - Freepik
Imagem: Freepik

Usa repetidores?

Repetidores de wi-fi são para locais em que o sinal do roteador não alcança. Mas em certos casos, especialistas dizem que o uso de repetidores pode piorar a velocidade da internet. "Em vez de ajudar, pode atrapalhar porque terão mais dispositivos espalhando os sinais e terá interferência de um sobre os outros", afirma Nazareth.

Uma solução para ter um bom sinal em diversos ambientes é espalhar modems e conectá-los por meio de cabeamento. Vale falar com um técnico da sua operadora para se informar sobre isso.

Abre um monte de abas no navegador?

O fator principal para manter a velocidade no navegador é não colocar muitos plug-ins ou abrir muitas páginas.

"Sempre o mais simples é o melhor. A pessoa abre um monte de abas, algumas com atualização automática. Assim, você está dividindo a banda. Quando terminar de ver determinado assunto, feche a aba. Tente concentrar sua busca naquilo que chama atenção no momento. Esses cuidados simples auxiliam a ser mais rápido", explica o professor da FEI.

SIGA TILT NAS REDES SOCIAIS