PUBLICIDADE

Topo

Capcom fecha estúdio responsável pela série "Dead Rising"

Dead Rising - Reprodução
Dead Rising
Imagem: Reprodução

Do GameHall

18/09/2018 17h22

A Capcom informou nesta terça-feira (18) que encerrou as atividades do estúdio de Vancouver, conhecido principalmente pela franquia "Dead Rising".

A confirmação veio após a empresa ter dito esperar um prejuízo de aproximadamente US$ 40 milhões (R$ 165 milhões) causado por uma restruturação que cancelou diversos projetos do estúdio em questão, o que acabou resultando em seu fechamento.

VEJA TAMBÉM

Fundada em 2005, a Capcom Vancouver, atualmente responsável pela série "Dead Rising", também desenvolveu uma versão portátil gratuita de "Puzzle Fighter", a qual foi encerrada menos de um ano após o lançamento. Com o fechamento do estúdio, "todos os funcionários atuais serão demitidos" e receberão indenizações, mas alguns deles "permanecerão até janeiro de 2019, por razões logísticas".

"Nós apreciamos o trabalho duro e contribuições de todos os membros da equipe do estúdio em criar experiências inesquecíveis de jogabilidade para a série Dead Rising e Puzzle Fighter", disse um representante da Capcom, de acordo com informações divulgadas pelo "Kotaku".

Embora o futuro de "Dead Rising" permaneça incerto, a produtora informou que agora planeja focar seu desenvolvimento de jogos no Japão, com novas instalações de pesquisa e desenvolvimento sendo abertas na cidade de Osaka.