PUBLICIDADE

Topo

PlayStation


Executivo diz que "Red Dead Redemption 2" terá "visão otimista" dos EUA

Do UOL, em São Paulo

17/11/2016 16h00

Em um encontro com a firma MKM Parterns, o CEO Strauss Zelnick, da Take-Two Interactive - empresa dona tanto da 2K Games quanto da Rockstar -, falou um pouco sobre "Red Dead Redemption 2", que promete ser um dos grandes jogos de 2017.

O executivo acredita que este é o momento certo para lançar um jogo sobre o Oeste Americano, semelhante ao período em que o primeiro "Red Dead Redemption" foi lançado, e que o jogo trará uma visão mais otimista dos EUA.

"A sabedoria popular é de que é claro que um western não iria funcionar", disse. "Tivemos um outro ponto de vista, que é o de que ocasionalmente westerns capturam a imaginação do público. Quando lançamos 'Red Dead', isso aconteceu, e aquela era a hora certa para isso. E acho que a hora certa novamente para uma visão grande, expansiva e otimista dos EUA - e isso não é para parecer uma brincadeira."

Zelnick também disse que, a julgar pela reação do público, a "expectativa é enorme" em relação ao jogo, e que jogadores podem esperar "ótimos elementos de história e ótimos elementos de gameplay".

Em 2016, o tema do Oeste Americano voltou a chamar atenção graças a produções como o remake de "Sete Homens e Um Destino" e o seriado "Westworld", da HBO.

"Red Dead Redemption 2" está previsto para o fim de 2017, com versões para PS4 e Xbox One.

PlayStation