PUBLICIDADE

Topo

Geek


Vale a pena? Protagonista de "The Witcher" inspira estátuas de US$ 770

Extremamente detalhada, estátua de Geralt tem 66 cm de altura e usa material para deixar rosto do personagem mais realista - Divulgação
Extremamente detalhada, estátua de Geralt tem 66 cm de altura e usa material para deixar rosto do personagem mais realista Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

19/09/2016 14h33

A boa fase de Geralt de Rívia, protagonista da série de games "The Witcher", continua. Após estampar uma edição limitada de selos postais na Polônia - país de origem da produtora CD Projekt Red -, o personagem será retratado em dois modelos de estátuas para colecionador nenhum botar defeito. 

Base da estátua consiste em algum monstro que teve a infelicidade de cruzar com Geralt em seu caminho - Divulgação
Base da estátua consiste em algum monstro que teve a infelicidade de cruzar com Geralt em seu caminho
Imagem: Divulgação

Ambas as variantes do item custam astronômicos US$ 770 - dinheiro próximo do necessário para levar para casa um PlayStation 4 e um Xbox One, nos Estados Unidos - e terão produção limitada.

A que apresenta Geralt com barba por fazer terá mil unidades produzidas. Uma segunda versão, que permite alternar entre um rosto com ou sem barba, será ainda mais rara: apenas 500 unidades serão feitas. Em ambos os casos, as estátuas têm 66 centímetros de altura. Ou seja: reserve um bom espaço caso queira levar o item para casa.

Responsável por produzir os itens, a empresa Prime 1 afirma que utilizou um tipo de resina especial para moldar o rosto do personagem, o que transmite um aspecto bastante próximo da pele de uma pessoa real.

Essa é apenas a primeira estátua de uma linha baseada na franquia de games, a serem feitas também pela Prime 1. O item pode ser comprado antecipadamente na loja online da Sideshow, empresa responsável por distribuir os itens e que também envia as compras internacionalmente, inclusive para o Brasil. A expectativa é que as entregas tenham início entre julho e setembro de 2017.

Geek