PUBLICIDADE

Topo

PCs gamers: quanto custa para montar um computador dos sonhos para jogar?

Victor Ferreira

do Gamehall

10/03/2015 10h02

Graças a preços mais baratos, maior variedade de jogos e compatibilidade cada vez mais frequentes com controles, o PC tem se tornado uma opção cada vez mais atraente para o público em geral, especialmente com promessas de jogos como “GTA V”, “The Witcher 3” e “Battlefiled: Hardline” com gráficos impressionantes e mais vantagens em relação aos consoles.

Porém, embora montar um computador tenha se tornado bem mais simples graças a avanços tecnológicos e guias na internet, o processo ainda pode ser uma grande barreira para muita gente, seja por acharem tudo muito complexo ou por medo de quebrar ou danificar alguma peça. Por isso, muitos acabam deixando este processo de lado acabam por comprar um PC “Gamer” já totalmente montado.

É comum, porém, que estes computadores prontos sejam bem custosos, muitas vezes com componentes desnecessariamente caros.

Entendendo as partes

Mesmo que não compreenda completamente o processo de montagem, um dono de PC deve ao menos saber a importância de cada um de seus componentes, e como eles influenciam no funcionamento correto da máquinas.

Este conhecimento varia desde coisas básicas, como quais processadores são compatíveis com determinadas placas-mãe, até a importância de itens periféricos como coolers e fontes de alimentação

É comum, por exemplo, ver computadores já montados com componentes desnecessariamente caros. Como base de comparação, este computador pré-montado da X5 Computadores sai por R$ 5.045,88 à prazo, enquanto outro sai por R$ 500 a mais, sendo que a única diferença entre a configuração dos dois é o gabinete.

É importante também entender o que certas siglas significam. A letra K que acompanha certos processadores mais caros, por exemplo, representa um produto voltado para overclocking. Para um usuário casual, isso seria um mau investimento em relação à versão mais simples barata do produto.

Comparando preços

O maior problema de PCs já prontos é que, em muitos casos, o valor do produto final é significativamente maior do que o de suas partes. Por isso, sempre vale a pena pesquisar o preço de peças avulsas em comparação com o de um computador completo.

Para propósitos da matéria, é melhor utilizar como base as configurações recomendadas de “The Witcher 3”, que dos próximos grandes títulos é que pede mais do PC. É importante levar em conta que requisitos oficiais muitas vezem supervalorizam certos componentes, como processador, mas isto é discussão para outra hora.

O modelo da X5 Computadores mencionado acima tem uma configuração similar, com a principal diferença sendo o processador, um Intel Core i7 4770 - uma geração acima do i7 3770. A máquina é vendida a R$ 5.045,88, mas não traz um sistema operacional, o que acaba sendo uma despesa extra.

Ao acessar a página “Monte Seu Computador” na loja virtual Terabyte, que permite escolher as peças , é possível ver que um PC com componentes semelhantes acaba saindo por R$ 5.233 com a seguinte configuração*:

 COMPONENTEPREÇO
ProcessadorIntel Core i7 4790 3,6 GHz 8MBR$ 1.279
Placa-mãeAsus B85M-E/BR LGA 1150R$ 309
Cooler para processadorWatercooler - Corsair Hydro Series H75R$ 349
Memória RAMKingston HyperX Fury Blue 8GB 1600 MhzR$ 419
Placa de vídeoMSI Geforce GTX 960 2GB 128-bitR$ 1049
HDDHDD Seagate Híbrido SSHD 1TBR$ 489
Drive ÓpticoGravador DVD Asus DRW-24F1ST Dual Layer Preto SataR$ 79
Fonte de energiaCorsair CS-650M 650W PFC AtivoR$ 439
GabineteCooler Master HAF 912 PlusR$ 359
Sistema OperacionalWindows 7 Home PremiumR$ 409

*Valores cotados em 6/3/2015

Há diferenças importantes entre estas duas máquinas, como a placa gráfica - a GTX 960 é relativamente inferior a 770, que tem sido cada vez mais rara de ser encontrada, salvo em sites de leilão. Ainda assim, mesmo com um sistema operacional instalado e um water cooler para o processador, o valor ainda fica um pouco acima do computador pronto.

Ao trocar a GPU pela mais eficiente GTX 970, o preço da máquina sobe para R$ 5.911. Um PC pronto semelhante da X5 pode sair por, no mínimo, R$ 6.292,94 - uma diferença de pelo menos R$ 381,94.

É claro, isso não acontece sempre, especialmente levando em conta lojas que montam seus próprios computadores. Esta máquina da PC Master, por exemplo, é vendida por R$ 4.700 (R$ 5 mil com Windows 8.1 já instalado), um preço bem mais condizente com o valor de cada peça - embora ainda sem elementos como um cooler mais eficiente para o processador, que não é uma necessidade, por si só, mas é uma opção para diminuir a temperatura da CPU de forma menos barulhenta.

  • Arte/UOL

    A dica de ouro é: preste atenção. É comum, por exemplo, ver computadores já montados com componentes desnecessariamente caros.

Alternativas

Como visto acima, uma boa opção para quem não entende muito do processo de montagem, e não quer pagar mais do que devia por um PC já montado, é procurar alguém que saiba do assunto.

O modo mais simples é conhecer uma pessoa que entenda do mundo do PC, sendo capaz não apenas de sugerir peças e montar a máquina, como também ensinar como funciona este procedimento.

Caso isso não seja possível, há outra alternativa, já mencionada acima: Lojas como a Terabyteshop, ChipArt e Pichau oferecem serviços de montagem de PC, com o consumidor escolhendo quais serão as peças dentro da máquina.

A segunda opção traz suas limitações, principalmente envolvendo os limites de estoque destes sites. Ainda assim, estes PCs tendem a ser mais baratos do que máquinas já montadas, por não custar mais do que a soma de suas partes.

De qualquer forma é que há modos mais fáceis e baratos de adquirir um bom PC sem ter que pagar um preço exorbitante por um produto que não condiz com este valor.