PUBLICIDADE

Topo

"Cyberpunk" será mais fácil de aprender a jogar que "The Witcher", diz produtora

do Gamehall

20/06/2012 10h18

Criadora da série de RPG "The Witcher 2", os poloneses da CD Projekt RED prometem oferecer em "Cyberpunk" uma curva de aprendizado mais suave do que na franquia que os consagraram.

"O que aprendemos com a série é que precisamos atrair as pessoas com uma curva de aprendizado suave quando se trata da trama", disse o diretor do estúdio, Adam Badowski.

"No primeiro 'Witcher', por exemplo, nós jogamos as pessoas no meio da história, e assumimos que os jogadores poderiam saber o que estava acontecendo! Mas vários jogadores nos disseram que realmente não entendiam essa ou aquela relação", explicou.

"Nos nossos futuros jogos, queremos que o jogador seja capaz de obter mais contexto e nós precisamos introduzir o jogo e seus personagens de uma forma mais apropriada", explicou.

Por fim, o executivo deixa claro que isso não significa simplificar a experiência de jogo. "Em Cyberpunk, queremos criar uma história muito profunda, mas os jogadores novatos serão melhor apresentados à ela do que em 'The Witcher 2'".

Da mesa para às telas

Em produção pela CD Projekt Red, "Cyberpunk" é baseado no RPG de mesa de mesmo nome criado nos anos 1980 por Maxmike Pondsmith.

Os desenvolvedores prometem um game ricamente detalhado, não linear e com uma história complexa e, ao mesmo tempo, emocionante. Assim como na série "The Witcher 2", os jogadores confrontarão escolhas morais e suas ações influenciarão os eventos do mundo em que vivem.

"Cyberpunk" ainda não tem plataformas definidas, mas dado o histórico dos produtores, é de se esperar que o jogo venha primeiro para PC.