PUBLICIDADE
Topo

Cupertino: veja 'antes e depois' do suspeito de matar ator de 'Chiquititas'

Paulo Cupertino é preso após quase três anos foragido - Reprodução/SSP-SP e divulgação/Polícia Civil
Paulo Cupertino é preso após quase três anos foragido Imagem: Reprodução/SSP-SP e divulgação/Polícia Civil

De Splash, em São Paulo

17/05/2022 18h51

Paulo Cupertino, suspeito de matar o ex-ator Rafael Miguel e os pais em junho de 2019, foi preso ontem após passar quase três anos foragido. A mudança na aparência do procurado pela polícia chamou a atenção após a detenção.

A Polícia Civil compartilhou uma foto de Paulo na época em que o crime ocorreu. A mesma imagem permaneceu disponível em uma lista de nomes mais procurados pela instituição disponível no site oficial.

O suspeito aparece sem barba e com fios mais longos na foto divulgada pelas autoridades em 2019. Após ser detido, Paulo Cupertino foi levado ao 98º Distrito Policial, localizado no Jardim Miriam, zona sul de São Paulo.

Paulo Cupertino Martins estava entre os mais procurados pela polícia de SP - Reprodução/SSP-SP - Reprodução/SSP-SP
Paulo Cupertino Martins estava entre os mais procurados pela polícia de SP
Imagem: Reprodução/SSP-SP
Paulo Cupertino é preso após três anos - Divulgação/Polícia Civil - Divulgação/Polícia Civil
Paulo Cupertino é preso após três anos
Imagem: Divulgação/Polícia Civil

Cupertino usa uma longa barba e cabelos mais curtos nas imagens recentes compartilhas pela Polícia Civil. Os investigadores não informaram se o detido recorreu a procedimentos estéticos. O suspeito afirma que permaneceu escondido por quatro meses em um hotel de Interlagos, zona sul da capital paulista.

As mudanças na aparência eram um fator considerado pelas autoridades durante as buscas. No fim de 2020, a Polícia Civil de São Paulo foi à cidade de Liberación, no Paraguai, seguindo uma pista de que Cupertino estaria em uma fazenda na região.

Osvaldo Nico Gonçalves, delegado responsável pelas buscas, afirmou ao "Cidade Alerta" que os policiais "chegaram perto" de encontrar Cupertino na oportunidade.

Segundo a delegada Ivalda Aleixo, Paulo Cupertino parecia "feliz" ao ser conduzido por policiais da 6ª Seccional, responsáveis pela detenção, ao 98º DP. As informações são do jornal O Globo.

Relembre o caso

O ator Rafael Miguel, que interpretou o personagem Paçoca na novela "Chiquititas", do SBT, e seus pais, João Alcisio Miguel e Miriam Selma Miguel, foram assassinados em junho de 2019, em São Paulo.

Os três foram baleados após terem ido até à casa da namorada do ator de 22 anos, Isabela Tibcherani. O crime aconteceu na Estrada do Alvarenga, no bairro Pedreira, na zona sul da Capital.

O pai da namorada de Rafael, Paulo Cupertino Matias, teria sido o autor dos disparos. Ele era contra o namoro da filha. No mesmo mês, a Justiça decretou a prisão temporária de Cupertino, que fugiu depois do crime. Um ano depois, o mandado de prisão temporária dele foi convertido em preventiva.