PUBLICIDADE
Topo

Diretor se inspirou em Kurt Cobain para novo Batman: 'Não é um socialite'

Robert Pattinson caracterizado como o Homem-Morcego em "The Batman" - Reprodução
Robert Pattinson caracterizado como o Homem-Morcego em "The Batman" Imagem: Reprodução

Colaboração para Splash, em Alagoas

20/12/2021 10h10

O diretor Matt Reeves, responsável por "The Batman", novo filme do Homem-Morcego estrelado pelo ator Robert Pattinson, revelou que se inspirou na vida do músico Kurt Cobain, líder da banda Nirvana, para esta nova versão do herói da DC Comics para os cinemas.

Em entrevista à revista Empire, Reeves contou que, durante o processo de produção do roteiro de "The Batman", ele ouviu bastante a canção "Something In The Way", do Nirvana, e isso lhe fez recordar do filme "Últimos Dias", inspirado na vida de Kurt Cobain, em que encontrou certo paralelo entre a realidade do artista e a vida do personagem da DC.

"Quando estava escrevendo a primeira parte do filme, 'Something In The Way' começou a tocar. Foi então que percebi que, além da versão playboy que o público já viu de Bruce Wayne, existe outra versão que passou por uma tragédia e se tornou reclusa. Então comecei a fazer essa conexão com [o filme] 'Últimos Dias' do Gus Van Sant e a ideia de uma versão ficcional de Kurt Cobain em uma mansão decadente", declarou.

Nas histórias em quadrinhos da DC Comics, Bruce Wayne passa por uma tragédia familiar ainda na infância, quando presencia o assassinato de seus pais Thomas e Martha Wayne. Por isso, em "The Batman" o diretor quer mostrar um outro lado do Homem-Morcego, que "não é um Bruce socialite".

Matt Reeves também explicou por que escolheu Robert Pattinson para interpretar o super-herói, e contou que tomou essa decisão após assistir o filme "Bom Comportamento", em que o ator interpreta um vigarista, mas também porque o artista "tem aquele estilo Kurt Cobain, em que ele parece uma estrela do rock, mas passa o sentimento de que é recluso".