PUBLICIDADE
Topo

Homem diz que foi agredido por seguranças de Cardi B; rapper nega

Cardi B pediu que o processo contra ela seja arquivado - Imagem: Reprodução/Instagram@iamcardib
Cardi B pediu que o processo contra ela seja arquivado Imagem: Imagem: Reprodução/Instagram@iamcardib

De Splash, em São Paulo

27/05/2021 18h35

Cardi B pediu o arquivamento do processo movido por Giovanni Arnold, que diz ter sido agredido por seus seguranças em maio de 2018 e acusa a rapper de ordenar o ataque.

Em documentos obtidos pelo site TMZ, Cardi diz que os agressores não são seus seguranças e que Arnold provocou a briga para poder processá-la. Ela afirma que o homem a atacou verbalmente e apresenta um vídeo em que ele supostamente diz: "Por favor bata em mim, vou tirar todo o seu dinheiro".

O caso aconteceu quando Cardi B e o marido, Offset, saíam da after-party do Met Gala. Arnold diz que foi agredido por três seguranças e sentiu medo de receber um tapa da cantora.

De acordo com o TMZ, Cardi rebate a acusação com humor, apontando que estava no 7º mês de gestação e não conseguiria agredir ninguém.