Topo

Esporte


Firmino destaca qualidade da seleção brasileira e crava: "Não há reservas"

17/06/2019 22h59

Salvador, 17 jun (EFE).- Comandante do ataque do Brasil nesta Copa América, Roberto Firmino fez questão de ressaltar nesta segunda-feira, em entrevista coletiva concedida em Salvador, que não há distinção entre titulares e reservas no grupo montado por Tite, que volta a campo amanhã, contra a Venezuela, na Arena Fonte Nova.

"Temos um grupo muito forte. Para mim, não há reservas, todos estão preparados para entrar quando necessário, para entrar bem no momento adequado, ajudando no que possam", disse o atacante, ao lado do técnico Tite.

Um dos principais nomes do Liverpool na conquista da Liga dos Campeões, Firmino também respondeu às perguntas sobre as diferenças do esquema tático dos 'Reds' e da seleção.

"Gosto de me movimentar bastante, para abrir espaço para os atacantes. Aqui é igual", disse.

Tímido, Firmino provocou risos ao deixar rapidamente a sala onde a entrevista foi concedida, deixando Tite sozinho, aproveitando-se uma ordem da organização para que os fotógrafos que acompanhavam o evento deixassem o local.

"Estou tentando me acostumar, no começo foi mais difícil, mas estou melhorando", ressaltou o atacante.

O Brasil lidera o grupo A da Copa América, com dois pontos a mais que Peru e Venezuela, que empataram sem gols na Arena Grêmio, no sábado. A Bolívia é a lanterna da chave, ainda sem pontuar, e enfrenta os peruanos amanhã, no Maracanã.

Uma vitória sobre a Venezuela classificará o Brasil para as quartas de final do torneio. EFE

Mais Esporte