PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Comentarista aponta Charles 'Do Bronx' como favorito para luta contra Poirier

Ag. Fight

08/12/2021 13h25

Apesar de ser campeão do peso-leve (70 kg) do UFC, Charles Oliveira ainda convive com as desconfianças de parte da comunidade do MMA em relação a longevidade de seu reinado. Tanto que uma parcela dos fãs, comentaristas e demais lutadores afirma que Dustin Poirier irá destronar 'Do Bronx' na edição de número 269, que acontece no dia 11 de dezembro, em Las Vegas (EUA). Contudo, ao menos um membro da imprensa especializada defendeu o brasileiro.

Em entrevista ao site 'Submission Radio', Dan Hardy, ex-lutador do UFC e atual comentarista, enalteceu a qualidade de 'Do Bronx' e ressaltou que o campeão do peso-leve da companhia não deve ser menosprezado por conta da trajetória de sucesso de Poirier no esporte, principalmente, por conta dos nocautes que o mesmo aplicou em Conor McGregor na temporada 2021.

Pelo contrário, o britânico citou Charles como favorito para o aguardado embate contra 'The Diamond' e até o classificou como um artista marcial superior. Um dos motivos que explica a confiança de Hardy no brasileiro é a sequência de nove vitórias do mesmo no UFC e sua dominância em tais lutas. Inclusive, o comentarista sinalizou que o campeão possui qualidade suficiente para não só defender o título do peso-leve pela primeira vez, como também para sair vitorioso do octógono pela via rápida, seja por finalização ou nocaute.

"Quando lancei minha análise, alguns comentários diziam que finalmente alguém não está subestimando Charles. Acho que é muito difícil subestimar alguém como ele. Qualquer pessoa que presta atenção nele quando está lutando sabe o quão letal ele é. Poirier é sem dúvida um veterano durão e resistente. Ele é inteligente, completou seu jogo com maturidade e se tornou um lutador muito mais eficaz. Se for uma guerra, sabemos que ele pode lutar no inferno e pode atravessar o outro lado. O sentimento geral em torno de Poirier é que, se Khabib não estivesse nos leves ao mesmo tempo, ele teria sido campeão. Sim, com certeza, mas acho que os tempos mudaram e agora Charles é o campeão. Acho que será muito difícil para qualquer um tirar o cinturão dele", declarou o veterano, antes de completar.

"Acho que em termos de habilidades, Charles é um artista marcial melhor em todos os aspectos. Se Poirier pode lutar melhor porque está nadando nesta piscina superior há um pouco mais de tempo, não sei. Mas não vejo razão para acreditar que Charles não será campeão até o final da luta. Não me surpreenderia se ele fosse capaz de prender Poirier contra a grade, bater nele um pouco e agarrar seu pescoço. Algo como a luta dele com Lee. Ao mesmo tempo, não ficaria surpreso se Charles decidir ir ao ataque, quedar Poirier e espancá-lo como fez com Ferguson. É uma luta difícil para Poirier. Ele tem coração, mãos pesadas e assim que entrar no ritmo da luta e se encontrar, se Charles não estiver preparado para os rounds de campeonato, com certeza Poirier pode conquistar o cinturão. Mas em termos de habilidade, a partir do estudo que fiz, acho que Charles tem provavelmente 70 ou 80% de chance de se sair melhor", concluiu.

Charles Oliveira, de 32 anos, vive momento mágico no MMA. Conhecido no esporte pelo jiu-jitsu de alto nível, o brasileiro mostrou que sua trocação também representa uma ameaça aos oponentes. Agora, 'Do Bronx' possui nove triunfos seguidos, sendo cinco por finalização e três por nocaute. Além disso, o campeão do peso-leve do UFC é o recordista de finalizações na história da companhia (14 vezes) e o lutador que mais venceu pela via rápida (17). Seu cartel profissional é composto por 31 vitórias, sendo 28 pela via rápida, oito derrotas e um 'no contest' (luta sem resultado).

Esporte