Topo

Esporte


É guerra! Dana White culpa Covington por não fechar duelo contra Usman, no UFC 244

Ag. Fight

20/09/2019 10h34

Dana White não aliviou Covington por falha em negociação de luta - Rigel Salazar

A "guerra" entre UFC e Colby Covington teve mais um capítulo na última quinta-feira (19). Após o lutar acusar a organização de "negociar trabalho escravo", foi a vez de Dana White não aliviar para o meio-médio.

Durante a coletiva de imprensa do UFC 244, em Nova York (EUA), o presidente da organização culpou o americano pela falha da negociação do seu duelo contra Kamaru Usman, pelo título do peso meio-médio (77kg). Anteriormente existia a expectativa deste confronto ser o main event deste evento, no entanto, perdeu o lugar para Jorge Masvidal e Nate Diaz.

"Colby Covington pode dizer o que quiser, mas buscamos grandes lutas. Vamos atrás dos caras e dizemos: 'Este é o próximo. Esta é a data. Você quer a luta?'. Obviamente ele queria mais dinheiro para enfrentar o Usman", disse.

Dana White não tratou de aliviar Covington em nada. Para o mandatário da franquia, o americano tem "corrido" de  lutas oferecidas a ele, por isso ainda não tem data para voltar a atuar. Na última vez que pisou no octógono, Colby derrotou Robbie Lawler, em agosto deste ano, por decisão unânime.

"Essa é a segunda vez que ele faz isso (recusa lutas). Também falamos se ele não quisesse lutar contra o Usman, a gente fecharia um combate com o Tyron Woodley. E ele também recusou. Você quer lutar ou não. Quando Colby Covington estiver disposto a lutar, ele vai nos dizer", afirmou.

Covington já conquistou título interino meio-médios, quando derrotou Rafael Dos Anjos, em junho de 2018. Entretanto, teve este retirado por ter demorado a ficar apto para encarar Tyron Woodley, que na época, era o detentor do cinturão linear. 'Chaos' chegou ao UFC em 2014, com cartel invicto em cinco lutas. Ele emendou três triunfos até sofrer aquela que, até hoje, é a única derrota de sua carreira. No UFC 194, Colby foi finalizado com uma guilhotina por Warlley Alves.

Esporte