PUBLICIDADE
Topo

Esporte

United empata com Liverpool (0-0) e mantém liderança; City goleia e se aproxima

17/01/2021 19h09

Londres, 17 Jan 2021 (AFP) - O Manchester United, líder da Premier League, superou o grande teste ao conseguir um empate (0-0) em Anfield contra o Liverpool, quarto com três pontos a menos, neste domingo no duelo de maior destaque da 19ª rodada.

Entre os 'Red Devils', que têm 37 pontos, e os 'Reds', que agora somam 34, está o Manchester City (que goleou o Crystal Palace por 4 a 0 neste domingo) e o Leicester, terceiro com 35 depois de vencer o Southampton por 2 a 0 no sábado.

O United poderia até ter vencido, se o português Bruno Fernandes e o francês Paul Pogba não tivessem sido impedidos pelo goleiro brasileiro Alisson que fez uma brilhante partida.

"Não alcançamos os três pontos hoje (domingo) porque não jogamos bem o suficiente para isso, especialmente no primeiro tempo, embora tenhamos melhorado ao longo do jogo", lamentou o técnico do United, Ole Gunnar Solksjaer.

"No final tivemos duas grandes oportunidades, mas o goleiro deles fez duas defesas magníficas", acrescentou o norueguês, admitindo que "podemos jogar melhor, com mais controle do jogo, ter mais a bola".

Após uma homenagem ao cantor Gerry Marsden, que faleceu no início de janeiro e cuja versão de 'You'll Never Walk Alone', ('Você nunca vai andar sozinho') costuma tocar em Anfield e é cantada pelos torcedores no estádio antes de cada jogo, os dois times fizeram um duelo muito equilibrado, mas nada espetacular.

Os jogadores comandados por Solskjaer deixaram a posse de bola para o Liverpool, por falta de precisão e sucesso no jogo ofensivo.

Com um 4-2-3-1, Anthony Martial liderando uma linha formada por Pogba, Fernandes e Rashford atrás, os Red Devils encontraram uma maneira de atacar por meio do contra-ataque.

Uma falta fantástica de Fernandes, que acertou a trave (34), um chute do próprio meia-atacante português, que Alisson tirou com o pé (75) e um disparo de Pogba, que o goleiro brasileiro defendeu (83), foram as melhores chances do jogo, todas para o United.

Liderado por Thiago Alcântara, em sua quinta participação no campeonato, a primeira como titular em Anfield, o atual campeão da Premier teve 67% da posse de bola e chutou 18 vezes, sendo apenas três na direção do gol.

Os Reds acumulam quatro jogos sem vitória, três sem marcar, uma sequência inédita para a equipe que costumava dar show na última temporada.

"Houve muitas coisas boas, mas faltou gol. Se tivéssemos vencido por 1 a 0, teria sido normal considerando a posse de bola e o futebol que jogamos", disse o treinador do Liverpool, Jürgen Klopp, após o jogo.

- City goleia -No último jogo do dia o City manteve sua escalada e assumiu a vice-liderança com uma goleada sobre o Crystal Palace (4-0), com gols de John Stones (26 e 68), os primeiros desde que se juntou à equipe em 2016.

Kevin De Bruyne registrou sua centésima assistência no City com a parte externa do pé direito para Stones chutar à queima-roupa e abrir o placar.

Ilkay Gündogan (57), com uma bela cobrança de falta, e Raheem Sterling (88) no ângulo completaram o placar.

Com Gabriel Jesus e Sterling marcando poucos gols e Sergio Aguero desfalcando o time depois de ter entrado em contato com um caso positivo de coronavírus, a boa fase de Gundogan ultimamente tem sido um fator importante no renascimento do City.

O meia alemão fez seu quarto gol em sete partidas.

Os Citizens, que não perdem há 15 jogos, 12 deles sem sofrer gols, vão assumir a liderança se vencer o Aston Villa em casa na quarta-feira, em jogo adiado da primeira rodada.

- Tottenham faz dever de casa -Mais cedo, com um golaço do francês Tanguy Ndombele, o Tottenham (5º) venceu o Sheffield United (3-1) e segue em busca das primeiras colocações.

Os Spurs somam agora 33 pontos e estão em quinto lugar, com um ponto a menos que o Liverpool (4º).

O Sheffield, que havia conquistado sua primeira vitória no meio da semana, sobre o Newcastle (1-0), continua no fundo do poço com apenas cinco pontos.

Depois de empatar em casa na quarta-feira com o promovido Fulham, que também está na zona de rebaixamento, o Tottenham reagiu com uma vitória contundente.

O marfinense Serge Aurier (aos 5 minutos), Harry Kane (aos 40, com seu 12º gol além de 11 passes decisivos) e Ndombele (62), que chutou a bola por cima do goleiro e praticamente de costas para o gol, fizeram os gols da vitória, enquanto para o Sheffield United quem descontou foi David McGoldrick (59).

Terceiro time que mais perdeu pontos após ficar em vantagem em uma partida (10) nesta temporada, o Tottenham salvou os três pontos desta vez, e segue lutando pela primeira colocação que chegou a ocupar há algumas semanas.

A próxima rodada será um teste difícil para a equipe de José Mourinho, que recebe o Liverpool na quinta-feira.

-- Jogos da 19ª rodada do campeonato inglês (horário de Brasília) e classificação:

- Sábado:

Wolverhampton - West Bromwich 2 - 3

West Ham - Burnley 1 - 0

Leeds - Brighton 0 - 1

Fulham - Chelsea 0 - 1

Leicester - Southampton 2 - 0

- Domingo:

Sheffield United - Tottenham 1 - 3

Liverpool - Manchester United 0 - 0

Manchester City - Crystal Palace 4 - 0

- Segunda-feira:

(17h00) Arsenal - Newcastle

. adiado

Aston Villa - Everton

Classificação: Pts J V E D Gp Gc SG

1. Manchester United 37 18 11 4 3 34 24 10

2. Manchester City 35 17 10 5 2 29 13 16

3. Leicester 35 18 11 2 5 33 21 12

4. Liverpool 34 18 9 7 2 37 21 16

5. Tottenham 33 18 9 6 3 33 17 16

6. Everton 32 17 10 2 5 28 21 7

7. Chelsea 29 18 8 5 5 33 21 12

8. Southampton 29 18 8 5 5 26 21 5

9. West Ham 29 18 8 5 5 25 21 4

10. Aston Villa 26 15 8 2 5 29 16 13

11. Arsenal 24 18 7 3 8 20 19 1

12. Leeds 23 18 7 2 9 30 34 -4

13. Crystal Palace 23 19 6 5 8 22 33 -11

14. Wolverhampton 22 19 6 4 9 21 29 -8

15. Newcastle 19 17 5 4 8 18 27 -9

16. Brighton 17 19 3 8 8 22 29 -7

17. Burnley 16 17 4 4 9 9 22 -13

18. Fulham 12 17 2 6 9 14 25 -11

19. West Bromwich 11 18 2 5 11 14 41 -27

20. Sheffield United 5 19 1 2 16 10 32 -22

bds/pm/mcd/aam

Esporte