PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1


Fórmula 1

Hamilton considera "egoísta" não respeitar as recomendações sanitárias

Lewis Hamilton opinou sobre as recomendações sanitárias no período de pandemia - REUTERS/Hamad I Mohammed
Lewis Hamilton opinou sobre as recomendações sanitárias no período de pandemia Imagem: REUTERS/Hamad I Mohammed

23/03/2020 10h28

Paris, 23 Mar 2020 (AFP) - O piloto Lewis Hamilton, hexacampeão do mundo de Fórmula 1, denunciou nesta segunda-feira (23) os comportamentos sociais "irresponsáveis e egoístas" das pessoas que não respeitam as recomendações sanitárias para conter a pandemia do coronavírus.

Em mensagem no Instagram, o britânico compartilhou sua "tristeza" pelo "número de mortes no mundo".

"Não há nada que possamos fazer, a não ser nos isolar para evitar contrair o vírus e propagá-lo", disse.

"Ainda há gente que sai e vai a bares, boates e grandes aglomerações, o que acredito ser totalmente irresponsável e egoísta", denunciou.

Hamilton, de 35 anos, foi um dos poucos pilotos a lamentar publicamente a decisão dos dirigentes da Fórmula 1 de tentar disputar o Grande Prêmio da Austrália, em 15 de março. O GP acabou sendo cancelado horas antes do início dos treinos.

Hamilton se colocou em isolamento voluntário depois de ter participado de um evento com o ator Idris Elba e com Sophie Gregoire-Trudeau, esposa do primeiro-ministro do Canadá, que deram positivo para coronavírus.

No sábado (21), o piloto britânico anunciou que, 17 dias depois do evento com as personalidades infectadas, apresentava "zero sintomas".

jld/dr/psr/am

Fórmula 1