PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Chile é estrangeiro que mais pediu ingressos para Confederações

19/01/2017 15h59

Zurique, Suíça, 19 Jan 2017 (AFP) - A Fifa anunciou, nesta quinta-feira, o resultado da primeira fase da venda de ingressos para a Copa das Confederações, na Rússia: o país sede lidera com 71.266 pedidos, enquanto o Chile é o primeiro dos estrangeiros, com 4.949.

O país latino vai defender o futebol sul-americano, depois de vencer a Copa América.

"O sistema de vendas utilizado garante que os torcedores do mundo todo tenham as mesmas oportunidades para a compra de ingressos. O número de entradas solicitadas pelos chilenos confirma que o torneio não interessa somente a Rússia, mas também fora do país sede. Alguns torcedores estão dispostos a atravessar o mundo para verem suas seleções na Copa das confederações", declarou o chefe de Gestão de Ingressos da Fifa, Falk Eller, pelo comunicado.

"Temos certeza que o Torneio dos Campeões será disputado com um excelente ambiente na torcida e as próximas fases da venda vai permitir que mais torcedores consigam um lugar", acrescentou.

A Fifa garantiu que todos os pedidos realizados até agora vão ter "as mesmas oportunidades de sucesso, independentemente do momento que tenham sido realizadas".

A Copa das Confederações vai ser disputada em quatro cidades Russas: Cazã, Moscou, Sochi e São Petersburgo.

Grupo A : Rússia, Portugal, México e Nova Zelândia.

Grupo B: Alemanha, Chile, Austrália, e o vencedor da Copa Africana de Nações, que vai ser decidido dia 5 de fevereiro, no Gabão.

Rússia e Nova Zelândia se enfrentam no jogo de estreia, em 17 de junho.

Esporte