PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Duda Amorim diz que não tem planos de defender mais a seleção de handebol

Duda Amorim em ação pelo Brasil contra a Hungria nas Olimpíadas de Tóquio - Daniel Leal-Olivas/AFP
Duda Amorim em ação pelo Brasil contra a Hungria nas Olimpíadas de Tóquio Imagem: Daniel Leal-Olivas/AFP

Do UOL, em São Paulo

13/09/2021 19h41

A ausência de Duda Amorim na convocação da seleção brasileira feminina de handebol para o Campeonato Sul-Centro fez com que a a atleta se pronunciasse nas redes sociais. Em um comunicado publicado, a atleta de 34 anos disse que não tem planos de participar do ciclo olímpico de 2024.

"Oi, pessoal! Muitas pessoas estão me perguntando sobre a convocação. Por enquanto, minha decisão é de não ir mais para seleção. Não tenho planos para participar do ciclo todo, então prefiro me retirar nesse momento. Agradeço imensamente o carinho de todos e quando tiver algo mais oficial, posto aqui e informo vocês", escreveu ela no Instagram.

A Confederação Brasileira de Handebol disputará o torneio que acontecerá entre os dias 5 e 9 de outubro, no Paraguai. O vencedor será o representante sul-americano no mundial, que será em dezembro, na Espanha.

Esta foi a primeira convocação do técnico Cristiano Rocha desde que assumiu a seleção feminina de forma interina, após as Olimpíadas e Tóquio. Dos 18 nomes chamados, 12 estavam nos jogos e seis são novidades.

Atualmente, Duda Amorim defende o Rostov-Don da Rússia. Antes disso, passou 12 anos na Hungria. Com a seleção brasileira, Duda Amorim foi campeã do Mundial de 2013 e eleita melhor jogadora do torneio e também foi eleita a melhor jogadora do mundo de 2014.

Duda Amorim fala sobre ausência na convocação da seleção brasileira de handebol - Do UOL, em São Paulo - Do UOL, em São Paulo
Imagem: Do UOL, em São Paulo

Confira as convocadas:

Esporte