PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Investigação de interferência externa na decisão do Paulista é arquivada

23/04/2018 18h36

O TJD-SP (Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo) decidiu arquivar a investigação a respeito de uma possível interferência externa na anulação do pênalti inicialmente marcado de Ralf sobre Dudu na vitória por 1 a 0 do Corinthians sobre o Palmeiras, no Allianz Parque, no último dia 8, na decisão do Campeonato Paulista. Os auditores julgaram que não foram apresentadas provas dessa influência ilegal dentro do regulamento da competição, mas o Verdão ainda pode recorrer.

- A tese da influência externa sequer se mostrou minimamente provada - disse Marcelo Monteiro, auditor da terceira comissão disciplinar do TJD-SP e responsável por ler nestas segunda-feiras as 17 páginas do relatório que arquivou o caso.

Foram analisados as cerca de oito horas de depoimentos de membros da arbitragem da partida, realizados na terça-feira da semana passada, e documentos e vídeos enviados pelo Palmeiras. O Verdão ainda pode recorrer se apresentar fatos novos, de acordo com o TJD, levando o caso para o Pleno do Tribunal.

O Palmeiras já tem imagens que comprovam a presença de diretores da FPF (Federação Paulista de Futebol) com celulares à beira do gramado na decisão. As imagens foram divulgadas inicialmente pelo Uol e confirmadas pelo LANCE!

A presença dos aparelhos foi indicada pela Kroll, empresa contratada pelo Palmeiras para investigar a presença de interferência externa na decisão da arbitragem. O clube avisa que essas mesmas imagens, um material bruto da transmissão do canal do time no YouTube, foram enviadas dentro do prazo exigido pelo TJD como prova e, por isso, os mesmos fatos poderiam ser detectados pelo tribunal.

Esporte