PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Com moral! Nenê voa no Vasco e Bigode fará recomendação a Zé

27/08/2017 08h00

A mudança de treinador do Vasco não fez bem apenas ao time em campo. A saída de Milton Mendes e a chegada de Zé Ricardo contribuiu para que o meia Nenê recuperasse o moral dentro do elenco cruz-maltino. Junto a Valdir Bigode, auxiliar que foi interino na vitória de sábado sobre o Fluminense, Nenê se entregou e entrará com o novo treinador com moral.

Com Milton Mendes, Nenê caiu de rendimento no Vasco. Chegou, inclusive, a ser barrado pela primeira vez por opção técnica. Nos treinos com Valdir Bigode na semana passada batalhou, foi titular no clássico e fez uma de suas melhores atuações desde que chegou a São Januário em 2015. Bigode aprovou tanto que falará a Zé Ricardo que Nenê não pode mais deixar a formação titular:

- Nenê precisava, como todo jogador, de pessoas, em um momento conturbado. Conheço desde a chegada, sei dos sofrimentos, das dores. Pontuei as dificuldades e disse que se eu fosse o treinador ele ia jogar. E jogou. Deixou o campo morto. Fez tudo que podia fazer. Precisa de respeito, carinho e compreensão. Me ajudou muito. Ajudou muito o Vasco. O Zé Ricardo vai me perguntar e eu vou dizer que Nenê é o cara.

Nenê sabe da responsabilidade que tem com a camisa do Vasco. Diante do Fluminense foi ímpar, participando de lances de perigo para a equipe. Quase marcou um golaço de calcanhar no segundo tempo e figurou como um dos que mais correram em campo. A força de vontade apresentada, além de nítida, faz o torcedor ficar esperançoso para o futuro.

Agora, a expectativa do Vasco sobre Nenê é que ele continue sendo decisivo na sequência da temporada. O período de duas semanas de paralisação do Campeonato Brasileiro por conta das Eliminatórias fará com que o elenco cruz-maltino apenas treine e se encaixe no modelo de Zé Ricardo. Valdir Bigode estará para ajudará e no que depender dele, Nenê não deixa a equipe. Isso é visto apenas com quem está com o moral inabalado e elevado.

Esporte